Abrir menu principal

A Confissão

filme de 1970 dirigido por Costa-Gavras
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2013). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
L'aveu
A Confissão (PRT/BRA)
 França ·  Itália
1970 •  139 min 
Direção Constantin Costa-Gavras
Roteiro Lise London
Jorge Semprún
Elenco Yves Montand
Simone Signoret
Gabriele Ferzetti
Michel Vitold
Jean Bouise
László Szabó
Género filme de drama
filme biográfico
filme de suspense
Idioma francês

A Confissão[1][2] (em francês: L'aveu ; em italiano: La confessione ) é um filme franco-italiano de 1970, dos gêneros suspense e drama biográfico, realizado por Constantin Costa-Gavras, baseado em romance de Artur London.

O filme conta as memórias de Arthur London, um político checoslovaco, e obteve um poder de convicção intenso e penoso devido à identificação do protagonista Yves Montand no desempenho do seu papel. Um epílogo onde foi posto um fim totalitário à Primavera de Praga, coloca acontecimentos em perspectiva desoladora.

Em 2016, o filme foi mencionado por críticos da Operação Lava Jato, como Mauro Santayana[3].


SinopseEditar

O político checoslovaco Arthur London é raptado por desconhecidos que, sem nenhuma forma de processo, tentam obrigá-lo, na base da tortura, a confessar uma traição ao partido.

A sua resistência quebra e durante um julgamento é considerado culpado, mas a sua esposa e os seus amigos conseguem amnistia decorridos cinco anos.

ElencoEditar

Referências

  1. «A Confissão». Brasil: CinePlayers. Consultado em 4 de novembro de 2018 
  2. «A Confissão». Portugal: SapoMag. Consultado em 4 de novembro de 2018 
  3. MARCELO E EDUARDO NO PAÍS DE MORO, acesso em 06 de maio de 2017.
  Este artigo sobre um filme francês é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.