Absamat Masaliyev

Absamat Masaliyevich Masaliyev (quirguiz: Абсамат Масалиевич Масалиев; 10 de abril de 1933, Alysh, Osh (província), Quirguistão - 31 de julho de 2004, Bisqueque) foi o primeiro secretário do Comitê Central do Partido Comunista da RSS Quirguiz de novembro de 1985 até a independência do Quirguistão, e liderou o Partido comunista do Quirguistão depois.

Absamat Masaliyev
Presidente do Quirguistão
Período 30 de Outubro de 1985 a 2 de Junho de 1989
Antecessor(a) Turdakun Usubaliyev
Sucessor(a) Jumgalbek Amanbayev
Presidente do Conselho Supremo da RSS Quirguiz
Período 10 de Abril a 10 de Dezembro de 1990
Dados pessoais
Nome completo Absamat Masaliyevich Masaliyev
Nascimento 10 de abril de 1933
Alysh, Kadamjay, Osh, RSS Quirguiz, URSS
Morte 31 de julho de 2004 (71 anos)
Bisqueque, Quirguistão
Nacionalidade quirguiz
Alma mater Universidade De Mineração do Estado de Moscou
Filhos Ishak Masaliev
Partido Partido Comunista do Quirguistão
Ocupação Político

Começou a estudar na Escola Técnica de Mineração no sul do Quirguistão em 1953. Três anos depois, mudou-se para o Instituto de Mineração de Moscou. Ele começou sua carreira como engenheiro-chefe adjunto na mina de carvão Kyzyl-Kiya, no sul da Quirguizia.

Em 1961, Masaliyev tornou-se instrutor na filial regional do Partido Comunista Quirguiz em Osh. Ele subiu de categoria até se tornar primeiro-secretário do Comitê Central do Partido Comunista de Quirguiz em novembro de 1985. De 10 de abril a 10 de dezembro de 1990 ele serviu como presidente do Supremo Soviético da República Socialista Soviética de Quirguiz.

Apas Jumagulov e Absamat Masaliyev foram os dois candidatos originais à Presidência do Quirguistão em 25 de outubro de 1990, mas nenhum dos dois conseguiu a maioria dos votos, então o Supremo Soviético escolheu Askar Akayev para ser o primeiro presidente em 27 de outubro de 1990. Masaliyev foi candidato nas eleições presidenciais de 1995, perdendo para Akayev novamente. Ocupou um lugar na Assembleia de Representantes do Povo do Conselho Supremo de 1995 até sua morte de um ataque cardíaco em 2004.

ReferênciasEditar

  1. Absamat Masaliyev. na Rádio Europa Livre.
  2. https://alchetron.com/Absamat-Masaliyev.