Abrir menu principal
Acurcio Garcia Ramos
Nascimento 1834
Angra
Morte 14 de setembro de 1892 (58 anos)
Angra do Heroísmo
Nacionalidade Portugal Português
Ocupação Escritor, político e médico

Acúrcio Garcia Ramos (Angra, 1834Angra do Heroísmo, 14 de Setembro de 1892) foi um político, médico e escritor português.

BiografiaEditar

Foi formado médico-cirurgião pela Universidade de Lisboa em 1861. Foi membro correspondente da Academia das Ciências de Lisboa, membro de várias corporações científicas de Portugal, cavaleiro da Ordem Militar de Nossa Senhora da Conceição, condecorado com várias distinções honoríficas nacionais. Foi um dos mais distintos médicos militares do país. Faleceu, cirurgião de brigada. Como jornalista e político colaborou em vários jornais, tomando parte activa e acalorada na política do antigo partido histórico. O seu espírito era o de um terceirense de lei, rasgadamente liberal. Como escritor tem a perpetuar o seu nome duas importantes publicações.

ObrasEditar

  • Noticia do Arquipélago dos Açores e do que há mais importante na sua historia natural, l vol. 1869. — Ilha da Madeira, 2 vol. 1879-1880. Nesta publicação relata tudo o que se passou, quando lhe foi promovida tenaz e injusta perseguição, chegando a estar preso, conjuntamente com outros conspiradores, no castelo de São Jorge, em Lisboa.
  • Biografia de D. Sabina Augusta de Oliveira Brasil, l folheto: Saudade, ou o dia 11 de Dezembro de 1848, aniversário do falecimento do padre Jerónimo Emiliano de Andrade.

Referências

  • Memória da Visita Régia à Ilha Terceira, escrito por Alfredo Luís Campos. Imprensa Municipal, Angra do Heroísmo, 1903.