Ada de Castro

Fadista portuguesa
Ada de Castro
Informação geral
Nome completo Ada Antunes Pereira
Nascimento 13 de agosto de 1937 (82 anos)
Local de nascimento Lisboa
Portugal
Nacionalidade portuguesa
Género(s) Fado
Ocupação(ões) Fadista e actriz
Instrumento(s) Voz
Período em atividade 1959-2010
Editora(s) Alvorada, Movieplay
Prémios Prémio Bordalo (1967) Fado

´

Ada Antunes Pereira conhecida por Ada de Castro (Lisboa, 13 de Agosto de 1937) é uma fadista e actriz de teatro portuguesa.

BiografiaEditar

Ada Antunes Pereira nasceu em 13 de Agosto de 1937, em Lisboa.

A estreia da fadista no teatro de revista aconteceu na peça Tudo à Mostra (1966), no Teatro Maria Vitória, onde cantou "Na Hora da Despedida", um fado de apoio aos soldados portugueses na Guerra do Ultramar que se tornaria num sucesso.[1]

Ada fez parte dos sócios fundadores da Associação Portuguesa dos Amigos do Fado.

Em 2009 é ditado o primeiro volume de Os Fados da Alvorada, incluído numa série de compilações com chancela da Movieplay Portuguesa, que abre com o tema "A Rosa" interpretado por Ada de Castro, com música de Joaquim Campos da Silva e letra de Joaquim da Silva Borges.[2] Segundo investigação de José Manuel Osório, são estes os verdadeiros créditos do tema "Rosa Caída" (1961), cuja letra foi atribuída a José Guimarães, que realmente escreveu um poema "Rosa Caída" mas que não corresponde à texto cantado no fado.[3]

"Sou uma mulher simples que ama o Fado e que tudo tem feito para o cantar bem. Sou das fadistas castiças que cantam com voz velada e um cheirinho de rua"

Ada de Castro [4]

Ada de Castro anunciou a sua retirada do meio artístico no dia 4 de Outubro de 2010, após ter recebido o "Prémio de Carreira" pelos seus 50 anos de carreira na V Gala Amália. O evento realizado pela Fundação Amália e pela Música no Coração decorreu no Coliseu de Lisboa.[5] Ainda em 2010, a RTP apresentou o documentário "Ada de Castro - 50 Anos de Carreira", de Maria João Gama.[6]

Em 27 de Novembro de 2012, a fadista foi distinguida em Medalha Municipal de Mérito, Grau Ouro, da Câmara Municipal de Lisboa, numa uma cerimónia onde foram homenageadas 50 personalidades do universo do Fado e da Guitarra Portuguesa, assinalando o 1.º aniversário da consagração do Fado como Património Imaterial da Humanidade, pela UNESCO.[7]

PrémiosEditar

DiscografiaEditar

  Esta lista está incompleta. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-a.

ÁlbunsEditar

CompilaçõesEditar

ParticipaçõesEditar

CompilaçõesEditar

Referências

  1. António Luís Marinho (16 de setembro de 2015). «Programa As Canções da Guerra : "Na Hora da Despedida"». Antena 1 (RTP). Consultado em 4 de outubro de 2017 
  2. a b «Catálogo - Detalhes do registo de "Os fados da Alvorada, vol. 1"». Fonoteca Municipal de Lisboa. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  3. José Manuel Osório (Janeiro de 2010). «Apoio A1: Os Fados da Alvorada». Antena 1 (RTP). Consultado em 4 de outubro de 2017 
  4. Zita Ferreira Braga (13 de março de 2010). «Ada de Castro fala de si e do Fado». Hardmusica. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  5. «Diva do fado lembrada». Correio da Manhã. 5 de novembro de 2010. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  6. António Luís Marinho (16 de setembro de 2015). «Programa As Canções da Guerra : "Na Hora da Despedida"». Antena 1 (RTP). Consultado em 4 de outubro de 2017 
  7. «Câmara distingue Personalidades do Fado». Câmara Municipal de Lisboa. 28 de novembro de 2012. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  8. «Prémios Bordalo». Em 1967 denominado "Prémio da Imprensa". Sindicato dos Jornalistas. 22 de janeiro de 2002. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  9. «Ada De Castro ‎– Sopa À Portuguesa». discogs. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  10. OCLC 253688212. Consultado em 4 de outubro de 2017
  11. «Catálogo - Detalhes do registo de "Sopa à portuguesa"». Fonoteca Municipal de Lisboa. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  12. «Catálogo - Detalhes do registo de "Ada de Castro; O melhor dos melhores; 63"». Fonoteca Municipal de Lisboa. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  13. OCLC 41254567. Consultado em 4 de outubro de 2017
  14. «Various ‎– Fados De Sempre». discogs. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  15. «Catálogo - Detalhes do registo de "Fado"». Fonoteca Municipal de Lisboa. Consultado em 4 de outubro de 2017 
  16. «Catálogo - Detalhes do registo de "Fado : sempre! Ontem, hoje e amanhã = always! Yesterday, today and tomorrow"». Fonoteca Municipal de Lisboa. Consultado em 4 de outubro de 2017 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma cantora é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre uma atriz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.