Agoney

cantor espanhol

Agoney Hernández Morales, mais conhecido como Agoney (Adeje, Tenerife, 18 de outubro de 1995), é um cantor espanhol. Tornou-se conhecido graças ao concurso de televisão Operación Triunfo 2017 da Televisión Española,[1] onde estava na sexta posição. Ele também foi um dos candidatos a representar a Espanha no festival Eurovision. Devido ao seu grande potencial vocal e à versatilidade de sua voz, foi apelidada de «canário da voz de ouro» ou «canário de ouro».[2]

Agoney
Nome completo Agoney Hernández Morales
Nascimento 18 de outubro de 1995 (25 anos)
Adeje, Espanha
Nacionalidade Flag of Spain.svg Espanha
Atividade 2017-presente

BiografiaEditar

Agoney começou a tocar trompete aos 6 anos e aos 14 anos começou a cantar. Estudou o ensino médio em artes cênicas e, antes de ingressar na Operación Triunfo, era cantor em um hotel em Tenerife.

Ele foi sexto na Operación Triunfo e foi o último expulso da edição, mas pode escolher representar a Espanha no Eurovision, graças à música «Magia», que cantou um dueto com Miriam Rodríguez.[3] No final, ele não foi eleito para representar a Espanha. Apesar disso, ele tem tido muito sucesso em seu país.

Depois de deixar o programa, Agoney se tornou um ícone da comunidade LGBT, de fato, ele foi um dos pregadores do LGTBI+ Pride em Madrid 2018.[4] Entre outubro e dezembro de 2018, ele fez sua primeira turnê solo. A turnê começou em 11 de outubro de 2018 em sua cidade natal, Adeje, e visitou as principais cidades espanholas como Madrid, Valência, Barcelona ou Saragoça.

Em novembro de 2019, Agoney fez sua primeira turnê musical fora da Espanha, visitando a Argentina.[5]

Em agosto de 2020, ele lançou «Libertad», seu primeiro álbum, que estreou no número 1 na parada de álbuns espanhola.[6]

TelevisãoEditar

  • Operación Triunfo 2017 (2017-2018)
  • Tu cara me suena: Séptima edición (2018)
  • Operación Triunfo 2018 (2018) (como convidado)
  • La mejor canción jamás cantada (2019)
  • Trabajo temporal (2019)

DiscografiaEditar

DiscosEditar

  • 2020: «Libertad»

SimplesEditar

  • 2018: «Quizás»
  • 2019: «Black»
  • 2020: «Libertad» (prelúdio)
  • 2020: «Más»
  • 2020: «Edén»

ColaboraçõesEditar

Referências

  1. «Biografía de Agoney Hernández». www.formulatv.com/ (em Spanish) 
  2. «Agoney muestra su gran potencial artístico con su nuevo single «Más»». wowssipworld.com (em Spanish). 19 de junho de 2020. Consultado em 30 de junho de 2020 
  3. «Miriam y Agoney de OT, cantarán 'Magia' para Eurovisión 2018». www.lavanguardia.com/ (em Spanish). 24 de janeiro de 2018. Consultado em 1 de novembro de 2019 
  4. «Los Javis, Agoney y Marina (OT) y el waterpolista Víctor Gutiérrez serán los pregoneros del Orgullo 2018». www.elperiodico.com (em Spanish). 30 de junho de 2018. Consultado em 1 de novembro de 2019 
  5. «Agoney visita por primera vez Argentina». elmarplatense.com (em Spanish). 31 de outubro de 2019. Consultado em 6 de novembro de 2019 
  6. «El tinerfeño Agoney desplaza a Anuel AA del número 1 en España con su debut discográfico». Diario de Avisos (em Spanish). 8 de setembro de 2020. Consultado em 9 de setembro de 2020 

Ligações externasEditar