Ahmad Umar

Ahmad Umar
Nascimento 1972 (48 anos)
Kismayo
Morte 10 de setembro de 2017
Cidadania Somália
Ocupação terrorista, político
Religião islão

Ahmed Umar (somali: Axmed Cumar, em árabe: أحمد عمر), também conhecido como Ahmed Diriye e Abu Ubaidah, é o emir do grupo islâmico da Somália Al-Shabaab. Foi listado pelo Departamento de Estado dos EUA como Specially Designated Global Terrorist em abril de 2015. Existe uma recompensa de US $ 6.000.000 pela sua cabeça do Rewards for Justice Program.[1]

HistóriaEditar

Pensa-se que Umar tenha cerca de quarenta anos. É membro da seção Bajimaal do clã Dir da região de Kismayo, na Somália.[1]

Ahmed Diriye tornou-se o líder de al-Shabaab após a morte do ex-líder do grupo, Ahmed Abdi Godane, em setembro de 2014. Antes de substituir Godane, Diriye atuou em vários cargos na al-Shabaab, incluindo assistente de Godane, vice-governador da região de Lower Juba em 2008 e governador de al-Shabaab nas regiões de Bay e Bakool em 2009. Em 2013, era consultor sénior de Godane e atuava no "Departamento do Interior" da al-Shabaab, onde supervisionava a atividade doméstica do grupo. Compartilha a visão de Godane dos ataques terroristas da Al Shabaab na Somália como um elemento das aspirações globais superiores da Al Qaeda.[2]

Foi nomeado líder da Al-Shabaab em setembro de 2014, depois que Godane foi morto por um ataque aéreo dos EUA.[3]

Referências

  1. a b «Wanted for Terrorism - Abu Ubaidah (Direye)». Rewards For Justice. Consultado em 15 de outubro de 2019 
  2. «Terrorist Designations of Ahmed Diriye and Mahad Karate». Departamento de Estado dos Estados Unidos. 21 de abril de 2015. Consultado em 15 de outubro de 2019. Arquivado do original em 3 de fevereiro de 2017 
  3. «Somalia Extremist Group Names New Leader». NDTV. Associated Press. 7 de setembro de 2014. Consultado em 15 de outubro de 2019