Alan de Albret

Alan de Albret, chamado o Grande (14401522), foi o 16.º senhor de Albret, visconde de Tartas, 2.º conde de Graves e conde de Castres, um nobre francês com uma destacada presença no panorama político e militar do país durante o século XV. Era filho de João I de Albret e Catarina de Rohan.

Alan de Albret
'
Nascimento 1440
Morte 1 de outubro de 1522
Casteljaloux
Cidadania Reino da França
Progenitores
  • Jean I of Albret
  • Catherine de Rohan
Cônjuge Françoise of Châtillon
Filho(s) João III de Navarra, Carlota de Albret, Amanieu d'Albret, Louis d'Albret, Isabella of Albret
Irmão(s) Louise d'Albret
Ocupação político,
Título duque
Armoiries Albret moderne.svg
Mapa de Francia en 1477, com indicação dos domínios da Casa de Albret.

Contraiu matrimônio com Francisca de Châtillon, que teve como dote a herança do condado de Périgord e do viscondado de Limoges.

Durante um tempo teve em seu poder o condado de Armañac, e casou seu filho João com Catarina de Foix, herdeira do Reino de Navarra e dos condados de Foix e Bigorra.

A guerra loucaEditar

Posteriormente, postulou ser herdeiro do duque da Bretanha Francisco II e a mão de Ana, Duquesa da Bretanha, sua filha, e por essas razões rebelou-se contra o poder real. É o conflito bélico conhecido como a Guerra Louca. Suas intrigas não convenceram, e foi derrotado em 1487.

Sua filha Carlota de Albret contraiu matrimônio com César Bórgia em 1500, e sua bisneta Joana III de Navarra se casou com António de Bourbon, Duque de Vendôme, sendo a mãe do rei Henrique IV da França; por esta última linha, Alan de Albret é antepassado dos atuais ramos da Casa de Bourbon.