Abrir menu principal
Comediantes: carroça de saltimbancos da Idade Média, na Espanha, óleo sobre tela (1985).

Alcy Xavier (Paranaguá, 1933 - 2016) é um Pintor e gravador brasileiro.

BiografiaEditar

Iniciou seus estudos em artes plásticas, com ênfase em pintura a óleo, gravura e desenho, em 1946. Aluno da Escola de Belas Artes do Paraná, aventurou-se pelo expressionismo no início de sua carreira, passando pelo movimento cubista já na década de 1950.

Alcy Xavier estudou artes inicialmente com seu pai, Narciso Xavier, e depois com Guido Viaro e Poty Lazzarotto.[1] Foi aluno da Escola de Belas Artes do Paraná,[1] tornando-se membro-fundador do Centro de Gravura do Paraná em 1954.

Além de ter quadros expostos em museus de Curitiba e participado de muitas exposições, Alcy Xavier costumava escrever textos, talvez para justificar sua forma peculiar de pintar, que partia, segundo ele, dos impulsos abstratos para chegar ao figurativo. Esses textos, em geral escritos para suas mostras e divulgados via internet, evidenciavam sua preocupação em estar atualizado na pesquisa. No texto, o qual chamou de Transcyber, ele abordava o tema Arte e Cibernética,[2] demonstrando sua preocupação com vários temas atuais como robótica, interação homem-máquina, situações-limite, entre outros temas.

ExposiçõesEditar

Ano Cidade Local Individuais Coletivas
1949 Curitiba 6º Salão Paranaense de Belas Artes, no Instituto de Educação do Paraná Professor Erasmo Pilotto X
1950 Curitiba 7º Salão Paranaense de Belas Artes, no Instituto de Educação do Paraná Professor Erasmo Pilotto X
1951 Curitiba 8º Salão Paranaense de Belas Artes, no Departamento de Cultura - Sala de Exposições -
medalha de prata em gravura e menção honrosa
X
1951 Curitiba 4º Salão de Belas Artes da Primavera - 1º prêmio em desenho X
1953 Curitiba 10º Salão Paranaense de Belas Artes X
1954 Curitiba 11º Salão Paranaense de Belas Artes X
1954 Goiânia Exposição do Congresso Nacional de Intelectuais X
1955 Curitiba 12º Salão Paranaense de Belas Artes X
1955 Curitiba 9º Salão de Belas Artes da Primavera - medalha de bronze X
1956 Curitiba 13º Salão Paranaense de Belas Artes - medalha de prata em pintura X
1957 Curitiba 14º Salão Paranaense de Belas Artes - prêmio aquisição X
1957 São Paulo Coletiva Movimento de Renovação Artística X
1957 São Paulo Mostra de Pintores do Paraná, no Museu de Arte Moderna de São Paulo X
1958 Curitiba Seis Pintores do Paraná, na Galeria Cocaco de Arte X
1958 Curitiba 10º Salão de Belas Artes da Primavera - prêmio aquisição X
1959 Curitiba 16º Salão Paranaense de Belas Artes, na Biblioteca Pública do Paraná X
1959 Curitiba 11º Salão de Belas Artes da Primavera - prêmio aquisição X
1959 Salvador Salão Baiano de Belas Artes - medalha de bronze em gravura X
1959 Curitiba Biblioteca Pública do Paraná X
1963 São Paulo Galeria Project X
1976 Curitiba Três Artistas Contemporâneos X
1977 Curitiba Exposição de Gravuras Contemporâneas, no Badep X
1976 e 1982 Curitiba Museu Guido Viaro X
1982 São Paulo Espaço Cultural Sanbra X
1982 São Paulo Centro de Artes do Centro Cultural São Paulo X
1982 São Paulo Centro de Artes Garcia Guillén X
1982 São Paulo Momento da Arte Brasileira - Inauguração do Anfiteatro de Convenções da Universidade de São Paulo X
1983 São Paulo Artistas Contemporâneos Paranaenses, na FAAP X
1984 São Paulo Galeria de Arte da Aliança Francesa X
1985 São Paulo Galeria Cinearte X
1985 Curitiba Galeria Max Stolz X
1986 São Paulo Galeria de Arte do Sesi X
1986 Curitiba Mostra dos Mais Premiados do Salão Paranaense de Belas Artes X
1986 Curitiba Tradição/Contradição, no Museu de Arte Contemporânea de Curitiba X
1987 São Paulo Spazio Pirandello X
1988 Curitiba 8ª Gravadores Paranaenses das Décadas de 50/60, no Museu Municipal de Arte de Curitiba X
1990 Curitiba Galeria de Arte do Banestado X
1991 Curitiba Galeria de Arte Ufizzi X
1992 Curitiba Museu Municipal de Arte: acervo, no Museu Municipal de Arte X
1994 Curitiba Sala Miguel Bakun X
1994 São Paulo Os Clubes de Gravura do Brasil, na Pinacoteca do Estado de São Paulo X
1997 Curitiba Guido Viaro 100 anos: Interpretação 97, no Museu de Arte do Paraná X
1998 Curitiba Arte Paranaense: movimento de renovação, no Conjunto Cultural da Caixa Econômica X
2014 Curitiba À Procura da Mímesis Perdida - Alcy Xavier - MUSA X -

Referências

  1. a b Furlan, Nájia. «Alcy Xavier, artista do abstrato». Consultado em 2 de Agosto de 2013 [ligação inativa]
  2. Pinturas, gravuras, textos de Alcy Xavier Arquivado em 9 de março de 2008, no Wayback Machine.. Hospedado no freewebs.com. Acessado em 28 de junho de 2007

BibliografiaEditar

  • CAVALCANTI, Carlos; AYALA, Walmir, org. Dicionário brasileiro de artistas plásticos. Apresentação de Maria Alice Barroso. Brasília: MEC/INL, 1973-1980. (Dicionários especializados, 5).
  • PINTURAS de Alcy Xavier. Apresentação de Adriano Colangelo. São Paulo: Galeria de Arte do SESI, 1986.
  • PONTUAL, Roberto, Arte, Brasil Hoje - 50 Anos Depois; Gaudi, 1973.
  • ZANINI, Walter, História Geral da Arte no Brasil, 2Vol., Instituto Moreira SA, 1983.
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.