Anatoli Filipchenko

Anatoli Vassilyevich Filipchenko (em russo: Анатолий Васильевич Филипченко) (Davydovka, 26 de fevereiro de 19287 de agosto de 2022) foi um cosmonauta soviético que foi ao espaço nas missões Soyuz 7 e Soyuz 16.

Anatoli Filipchenko
Nascimento 26 de fevereiro de 1928
Davydovka, URSS
hoje Rússia
Morte 7 de agosto de 2022 (94 anos)
Nacionalidade soviético
Serviço militar
País União Soviética
Serviço Força Aérea Soviética
Patente Major-general
Carreira espacial
Cosmonauta da URSS
Tempo no espaço 10d 21h 03m[1]
Seleção 1963[1]
Missões
Insígnia da missão Salyut program insignia.svg
Aposentadoria 1982[1]

CarreiraEditar

Sua primeira viagem ao espaço, em outubro de 1969, foi como comandante da missão Soyuz 7, junto com os tripulantes Viktor Gorbatko e Vladislav Volkov, na missão fracassada de acoplagem com a Soyuz 8 e troca de tripulação de uma nave para outra. Devido a falhas no equipamento, o engate e a transferência não puderam ser feitas. A Soyuz 6, também em órbita, filmou a tentativa de acoplagem das outras duas naves, numa missão tripla do programa espacial soviético.

Em dezembro de 1974, sua segunda missão foi na Soyuz 16, missão teste do que viria ser o programa conjunto Apollo-Soyuz, entre a URSS e os Estados Unidos.

Após deixar o programa espacial em 1982, ele se tornou diretor adjunto do Kharkov OKB.

Filipchenko morreu no dia 7 de agosto de 2022.[2]

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c «Cosmonaut Biography: Anatoly Filipchenko». 19 de abril de 2018. Consultado em 8 de agosto de 2022 
  2. «Умер советский космонавт Анатолий Филипченко» (em russo). 8 de agosto de 2022. Consultado em 8 de agosto de 2022 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Anatoli Filipchenko