Abrir menu principal
Antonieta Costa
Nome completo Maria Antonieta Mendes do Couto Costa
Nascimento 19 de novembro de 1936 (82 anos)
Angra do Heroísmo
Nacionalidade Portuguesa
Ocupação Investigadora
Principais trabalhos O Poder e as Irmandades do Espírito Santo;
O Culto do Espírito Santo no Ciclo das Mitologias Agrárias
Página oficial
http://www.antonietacosta.com/home/

Maria Antonieta Mendes do Couto Costa (Angra do Heroísmo, 19 de Novembro de 1936) é uma autora e doutora portuguesa. Pesquisadora e autora de diversas obras, foi a assessora principal do Quadro da Direcção Regional da Cultura, do Governo Regional dos Açores, sendo actualmente Investigadora do CITCEM.[1]

É licenciada em Sociologia pela Universidade de Maryland (1983), mestre em Administração Pública/Sociologia de Organizações pela Universidade de Troy State, Alabama (1986), doutora em Psicologia Social das Organizações pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (1998), e tem um Pós-doutoramento em Antropologia do Espaço.

Profissionalmente, exerceu como funcionária superior da administração pública, desenvolvendo em paralelo actividade científica nas áreas da sociologia, antropologia, arte popular e artesanato, fotografia, televisão, jornalismo, entre outras áreas, privilegiando temas como as mitologias, expressões de poder no culto do Espírito Santo, tradições açorianas e manifestações culturais populares, origens e raízes, relações com as mitologias mediterrânicas, relações dos ciclos festivos com o calendário cósmico, entre outros temas.

É ainda autora dos livros O Poder e as Irmandades do Espírito Santo (1999), O Culto do Espírito Santo, no Ciclo das Mitologias Agrárias (2008) e de Ilhas Míticas (2008), documentário realizado por Teresa Tomé, da série televisiva com o mesmo nome, editado em DVD.

Índice

Actividade desportivaEditar

Começou a jogar blowling depois dos 60 anos, contudo, a própria diz que se encantou com este desporto e diz que só vai parar quando não tiver mais forças para praticá-lo. É a jogadora com mais idade em toda a história do evento mundial Bowling World Cup. A primeira participação de Antonieta Costa na Copa Mundial foi na 41.ª edição, em Liubliana, capital da Eslovénia, em 2005. Depois, voltou a representar os Açores em São Petersburgo, 2007, Hermosillo, 2008 e Breslávia, 2014.[2]

Ela também foi campeã de golfe e basquetebol, porém teve que abandonar as modalidades por motivos de índole física.[2]

ObrasEditar

  • O Poder e as Irmandades do Espírito Santo, Editora Rei dos Livros, 1999[3]
  • O Culto do Espírito Santo no Ciclo das Mitologias Agrárias, Editora Esquilo, 2008[4]

DocumentáriosEditar

  • Ilhas Míticas[5]

FilantropiaEditar

Doou à Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Angra do Heroísmo uma colecção de diapositivos e de fotografias (2953 fotogramas) sobre temas de natureza antropológica[6] e é Sócia Efectiva do Instituto Histórico da Ilha Terceira.[7]

Referências

  1. «FCT — Projectos de I&D — Consultas à base de dados.». www.fct.pt. Consultado em 16 de outubro de 2018 
  2. a b «ANTONIETA COSTA, UMA CAMPEÃ DO TEMPO». 7 de novembro de 2017. Consultado em 16 de outubro de 2018 
  3. «O Poder e as Irmandades do Espírito Santo - Livraria Sebo Panorama | Estante Virtual». Estante Virtual. Consultado em 16 de outubro de 2018 
  4. «Ésquilo – Edições e Multimédia © 2008. Todos os direitos reservados.». www.esquilo.com. Consultado em 16 de outubro de 2018 
  5. «Ilhas Míticas - memoriamedia». memoriamedia.net. Consultado em 16 de outubro de 2018 
  6. bparlsr. «BPARLSR: História - Doadores de fundos documentais». www.bparah.azores.gov.pt. Consultado em 16 de outubro de 2018 
  7. «Sócios». ihit.pt. Consultado em 16 de outubro de 2018