Abrir menu principal
An-71
(OTAN: Madcap)
Avião
An-71 no Ukrainian State Aviation Museum Kiev
Descrição
Tipo / Missão Aeronave de Alerta Aéreo Antecipado, com motores turbofan e um turbojato, bimotor monoplano
País de origem  União Soviética
Fabricante Antonov
Período de produção Não produzido, somente protótipos
Quantidade produzida 3
Desenvolvido de Antonov An-72
Primeiro voo em 12 de julho de 1985 (34 anos)
Variantes Aeronave embarcada
Tripulação 6
Especificações
Dimensões
Comprimento 23,5 m (77,1 ft)
Envergadura 31,89 m (105 ft)
Altura 9,20 m (30,2 ft)
Propulsão
Motor(es) 2 x turbofans Progress D-436K, mais um turbojato Rybinsk RD-38A de 3 570 kgf (35 000 N)
Performance
Velocidade máxima 650 km/h (351 kn)
Velocidade de cruzeiro 530 km/h (286 kn)
Notas
Dados da Wikipédia anglófona - An-71

O Antonov An-71 (denominação NATO Madcap) foi uma aeronave AWACS Soviética com o propósito para ser utilizada no porta-aviões Admiral Kuznetsov. Seu desenho foi baseado no An-72, com uma fuselagem traseira completamente redesenhada, suportando o radar do tipo rotodome. A cabine de cargas armazenava os equipamentos eletrônicos e possuía seis estações para operadores de sistemas. O desenvolvimento da aeronave nunca foi além do estágio de protótipo, realizando o primeiro voo em 12 de julho de 1985. Este foi rejeitado em favor do Yak-44, que foi utilizado em conjunto com o enorme porta-aviões Ulyanovsk após o colapso da União Soviética. O radar Kvant-M permite detectar 400 alvos, rastrear 120 deles numa distância de aproximadamente 400 km, a meta de detecção é de 200 km para uma secção transversal de radar de 2m².

OperadoresEditar

EspecificaçõesEditar

Dimensões An-71
Comprimento 23,5 m
Envergadura 31,89 m
Altura 9,20 m
Velocidade Máxima 650 km/h
Velocidade de Cruzeiro 530 km/h
Motores 1 x Rybinsk RD-38A turbojet
Tripulação Técnica Seis

Ver tambémEditar

Aeronaves RelacionadasEditar

Aeronaves SimilaresEditar

Referências

Ligações externasEditar