Abrir menu principal
Bernardo António de Figueiredo
Nascimento 26 de julho de 1763
Gouveia
Morte 8 de abril de 1838 (74 anos)
Cidadania Portugal
Ocupação padre católico
Religião Igreja Católica

Bernardo António de Figueiredo (Gouveia, 26 de Julho de 1763 - 8 de Abril de 1838) foi um prelado português, bispo de Faro.

Foi Ministro da Justiça, no governo da regência de D. Maria I, de 8 de Junho a 14 de Agosto de 1827[1] substituindo Luís Manuel de Moura Cabral[2]

BiografiaEditar

Foi ordenado Padre a 17 de Dezembro de 1791 e a 9 de Outubro de 1824 foi selecionado para se tornar 54.º Bispo do Algarve, tendo sido confirmado a 20 de Dezembro de 1824 e ordenado a 24 de Fevereiro de 1825, tendo morrido em funções a 8 de Abril de 1838.[3]

Tio-avô de José Homem Machado de Figueiredo Leitão, 1.º Barão de Caria, 1.º Visconde de Caria e 1.º Conde de Caria e tio-bisavô de António Homem Machado de Figueiredo de Abreu Castelo Branco, 1.º Conde de Vinhó e Almedina.[4]

Ligações externasEditar

Referências

  1. Figueiredo, Bernardo António, por José Adelino Maltez, Centro de Estudos do Pensamento Político
  2. Governo da regência de D. Isabel Maria, Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, Universidade de Lisboa.
  3. História da Igreja em Portugal / Tomo III. Livro IV. p. ??
  4. "Anuário da Nobreza de Portugal - 1985", Direção de Manuel de Mello Corrêa, Instituto Português de Heráldica, 1.ª Edição, Lisboa, 1985, Tomo I, p. 305


Precedido por
D. Frei Inocêncio António das Neves Portugal
 
Bispo do Algarve

1825 - 1838
Sucedido por
D. António (II) Bernardo da Fonseca Moniz