Beth Zalcman

Elizabeth Zalcman (Rio de Janeiro, 10 de setembro de 1952), mais conhecida como Beth Zalcman, é um atriz, autora e diretora de teatro brasileira.[1] Desde a década de 1990 é preparadora de elenco na Escola Eliezer Max, no Rio de Janeiro.[2]

Beth Zalcman
Nome completo Elizabeth Zalcman
Nascimento 10 de setembro de 1952 (68 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileira
Ocupação
Atividade 1984–presente

FilmografiaEditar

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem Notas
1991 Floradas na Serra Wanda
2007 Dicas de um Sedutor Ana Episódio: "Piloto"
2008 Casos e Acasos Zilda Episódio: "A Escolha"
2011 Insensato Coração Cida
2013 Amor à Vida Fátima
2014 Joia Rara Salete
Boogie Oogie Juíza Episódio: "4 de agosto"
Conselho Tutelar Angela Episódio: "5"
2015 Verdades Secretas Vera Episódio: "22 de setembro"
Milagres de Jesus Léa Episódio: "O Endemoniado de Cafarnaum"
2016 Velho Chico Sônia Episódio: "30 de setembro"
2018 Apocalipse Marta Gudman
2019 Sob Pressão Edineide Episódio: "9 de maio"
Jezabel Elza Vina
Órfãos da Terra Hamida Yunes Episódios: "31 de agosto–4 de setembro"
2019 Amor sem Igual Augusta Guimarães / Carmem Maia

CinemaEditar

Ano Título Personagem
2014 Não Pare na Pista Enfª. Cida
2017 Histórias Íntimas Dora
Polícia Federal: A Lei É para Todos Marisa Letícia da Silva
2020 Solteira Quase Surtando Zélia

TeatroEditar

Como atrizEditar

Ano Título Personagem
1984–85 Ensaio Nº 1[3] Marta (mãe do Roberto)
1986 Faces, o Musical[4] Gigi
1992–93 Canto do Lobo[5] Carmela
2012–13 As Polacas: Flores do Lodo[6] Liz
2015 Boa Noite, Mãe[7] Thelma
2015–18 Brimas[8] Ester
2019 A Voz do Silêncio[9] Helena Blavatsky

Como autora/diretoraEditar

Ano Título Cargo
1992 Canto do Lobo[10] Diretora
2015–18 Brimas[11] Autora
2018 O Caso dos Dez Negrinhos[12] Autora (adaptação)
2019 A Dona dos Lírios[13] Autora
Paulo Freire, Andarilho da Utopia[14] Direção de elenco

Prêmios e indicaçõesEditar

Ano Prêmio Categoria Indicação Resultado Ref.
2015 Prêmio Shell Melhor Texto Brimas Indicada [15]

Referências

  1. «De volta aos palcos interpretando a própria avó em 'Brimas', Beth Zalcman se emociona: 'Lembro dos gestos dela'». Rio Encena. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  2. «O teatro ensina a sobreviver». Transcultura. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  3. «ENSAIO N° 1». Todo Teatro Carioca. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  4. «Faces, o Musical». Itau Cultural. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  5. «Crítica publicada no Jornal do Brasil – Caderno B – 10.07.1993». CBTIJ. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  6. «As Polacas – As Flores do Lodo estreia em São Paulo». Aplauso Brasil. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  7. «Beth Zalcman e Thaís Loureiro estreiam texto premiado com Pulitzer». Rede Globo. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  8. «Peça reflete sobre o 'choque' de culturas através de memórias familiares». O Globo. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  9. «Monólogo de Beth Zalcman celebra o Dia Mundial da Filosofia». O Povo. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  10. «Canto do Lobo». Todo Teatro Carioca. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  11. «Concorrendo ao Prêmio Shell por melhor texto, "Brimas", de Beth Zalcman e Simone Kalil, reestreia no Teatro Fashion Mall dia 4 de março». Revista Mundo da Fama. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  12. «O teatro ensina a viver». Nova Escola. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  13. «Zilda Arns – A Dona dos Lírios». Firjan. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  14. «Paulo Freire, Andarilho da Utopia». UNB. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 
  15. «'Brimas': Comédia idicada ao Prêmio Shell de melhor texto reestreia no Rio». Almanaque da Cultura. Consultado em 12 de fevereiro de 2020 

Ligações externasEditar