Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Julho de 2016). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Blindagem (desambiguação).
O M1 Abrams do Exército dos Estados Unidos com a atualização TUSK utiliza blindagem composite, reativa, e de barras.

Blindagem é a tecnologia utilizada especialmente em veículos para a proteção pessoal contra armas de fogo. Criada para a guerra, a inovação em pouco tempo alcançou centros urbanos de países com altos índices de violência, como o Brasil, Paraguai ou a Colômbia. No Brasil, para blindar um carro é necessário uma autorização do Exército e não basta que a empresa blindadora tenha o CR (Certificado de Registro) no Exército, sem o qual a blindadora não pode atuar no segmento. Também tem que obter uma autorização específica para cada veículo a ser blindado. Esse requerimento deve ser feito através do sistema (SISCOVAB) inserindo os dados da blindagem e do proprietário. Esse procedimento visa evitar que carros blindados sejam utilizados por pessoas não idôneas e manter o controle dos veículos em circulação.

Para a pessoa física blindar um carro, é necessário apresentar RG, CPF, comprovante de residência, CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo), certidões negativas criminais da Justiça Federal, Estadual e Militar dos últimos cinco anos, e Atestado de Antecedentes Criminais, emitido pela Polícia Civil do Estado, justiça militar e federal. Se o carro for de empresa, também será preciso apresentar CNPJ e Certidão de Antecedentes dos distribuidores da Justiça Federal, Estadual e Militar de cada um dos sócios administradores ou gerentes, das Comarcas onde tenham sido domiciliados nos últimos cinco anos. Para que a pessoa jurídica ou física possa ter um veículo blindado, terá que obter também, antes do processo de blindagem ou compra de um blindado usado, o CR (Certificado de Registro), esse documento é pessoal e tem validade de três anos, onde o Exército autoriza a posse e utilização do veículo blindado.

Níveis de blindagemEditar

Existem vários tipos de blindagem, sendo as mais comuns a II e a IIIA.

A blindagem nível IV é a mais segura disponível a civis, porém esse nível de blindagem é altamente burocrático, precisando tramitar no Exército e Ministério da Defesa, sendo necessário apresentar um requerimento que justifique tal proteção. A blindagem nível V está disponível apenas para as Forças Armadas, chefes de estado, presidentes, com raras concessões oferecidas a mega empresários que plenamente justifiquem a real necessidade de tal proteção.[1]

Associação Brasileira de BlindagemEditar

Fundada em maio de 2001, a ABRABLIN comemora o décimo sexto ano de atividades no segmento nacional de blindagem.

Certificada pelo Exército Brasileiro como representante autorizada de empresas do segmento de blindagem, a ABRABLIN reúne 70 associados que atuam no segmento de blindagem: blindadores, fabricantes, comerciantes ou locadoras de veículos blindados. [2]

Referências

  Este artigo sobre armas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.