Boeing-boeing

Boeing-boeing é uma peça de teatro escrita pelo autor francês Marc Camoletti.[1] A peça estreou em 10 de dezembro de 1960 no Comédie Caumartin, em Paris.

Mostra a trajetória de um casanova da era do jato, que manipulava três amores, três aeromoças de lugares diferentes: França, Estados Unidos da América e Escandinávia.

Em 1991, a peça foi listada no Guinness Book of Records como a peça francesa mais representada no mundo inteiro [carece de fontes?].

Em 1965, a peça foi adaptada para o cinema por Edward Anhalt. O filme foi produzido pela Paramount Pictures, tendo como diretor John Rich, e contou no elenco com os astros Jerry Lewis, Tony Curtis e Thelma Ritter.[2]

No BrasilEditar

A peça foi traduzida por Elsie Lessa e dirigida por Adolfo Celi. Os cenários e figurinos foram executados por Napoleão Moniz Freire.

O elenco brasileiro contou com a participação de Francisco Cuoco, Eva Wilma, Ilka Soares, Marilia Celi, Jardel Filho, John Herbert, Carminha Brandão e Franciely Freduzeski.

Em PortugalEditar

Em 2019 a peça foi adaptada por Paulo Sousa Costa e levada a palco em vários palcos portugueses , contando com António Camelier, Ricardo Castro, Carla Vasconcelos, Marta Melro, Liliana Santos Sofia Grillo, João Didelet , Sofia Arruda, Carolina Puntel e Cristina Cavalinhos, sob a direcção de Claudio Hochman

Referências

  1. International Broadway Database acessado em 13 de fevereiro de 2009
  2. IMDb acessado em 13 de fevereiro de 2009

Ligações externasEditar