Abrir menu principal

Campeonato Cearense de Futebol da Segunda Divisão de 2015

Campeonato Cearense de Futebol de 2015 - Série B
Segundona do Cearense
Ceará
Dados
Participantes 10
Organização FCF
Período 1 de março27 de julho
Gol(o)s 275
Partidas 91
Média 3,02 gol(o)s por partida
Campeão Bandeira de Fortaleza.svg Tiradentes
Vice-campeão Bandeira de Fortaleza.svg Uniclinic
Rebaixado(s) Flag of None.svg Arsenal de Caridade

Trairiense

Maior goleada
(diferença)
Tiradentes Bandeira de Fortaleza.svg  6–0 Bandeira de nova russas.jpg Nova Russas
Presidente Vargas (CE), Fortaleza
11 de março
◄◄ Ceará 2014 Soccerball.svg 2016 Ceará ►►

O Campeonato Cearense de Futebol - Segunda Divisão de 2015 é a 23ª edição do torneio, organizado pela Federação Cearense de Futebol. O Tiradentes consagrou-se campeão nos pênaltis sobre o Uniclinic, após a final ter sido paralisada por mais de dois meses, devido o Uniclinic ter suspostamente escalado um jogador irregular durante a disputa da competição.

Por falta da documentação do Profut, o Tiradentes perdeu a vaga na Primeira Divisão Cearense em 2016. O Maracanã recusou a vaga, sendo cedida ao Itapajé. Após reviravolta, o Tiradentes conseguiu voltar à Primeira Divisão, tirando a vaga cedida ao Itapajé.

Em 15 de janeiro de 2016, a Federação Cearense de Futebol excluiu o Guarany de Sobral da Primeira Divisão por falsificação de certificados, cedendo a vaga novamente ao Itapajé.[1]

Em 28 de janeiro de 2016, na sede da FCF, o TJDF-CE manteve o Guarany de Sobral na Primeira Divisão e, pela terceira vez, tirou a vaga cedida ao Itapajé, permanecendo na Segunda Divisão. O Itapajé garante que agora irá recorrer ao Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).[2]

RegulamentoEditar

O Campeonato Cearense de Futebol de 2015 - Série B será disputada por 10 esquipes. Na primeira fase as 10 equipes se enfrentam em turno e returno. As duas melhores avançam para a final em jogo único, que será disputado na casa daquela que tiver feito a melhor campanha. Se houver empate na final, o título será decidido nos pênaltis. As duas finalistas subirão para a Série A do Cearense em 2016.
Por desistirem da competição, Arsenal de Caridade e Trairiense são automaticamente as equipes rebaixadas, não havendo queda entre as dez equipes confirmadas na disputa.
Os critérios para desempate em números de pontos são os seguintes, aplicados necessariamente na ordem em que aparecem:
1. Maior número de vitórias;
2. Melhor saldo de gols;
3. Maior número de gols pró;
4. Confronto direto (quando o empate for entre apenas duas equipes);
5. Sorteio.

Equipes ParticipantesEditar

Equipe Cidade Em 2014 Estádios (capacidade) Títulos
América Football Club   Fortaleza B Antônio Cruz (5.000) 0 (não possui)
Barbalha Futebol Clube   Barbalha B Inaldão (3.000) 0 (não possui)
Crateús Esporte Clube   Crateús B Juvenal Melo (2.500) 0 (não possui)
Crato Esporte Clube   Crato 11° A Mirandão (10.000) 0 (não possui)
Ferroviário Atlético Clube   Fortaleza A Presidente Vargas (20.166) 0 (não possui)
Itapajé Futebol Clube   Itapajé C Vieirão (3.000) 1 (último em 2000)
Maracanã Esporte Clube   Maracanaú B Domingão (10.500) 1 (último em 2012)
Associação Nova Russas Esporte Clube   Nova Russas B Municipal de Nova Russas (2.500) 0 (não possui)
Associação Esportiva Tiradentes   Fortaleza 10° A Presidente Vargas (20.166) — Alcides Santos (7.100) 1 (último em 1968)
Uniclinic Atlético Clube   Fortaleza C Antônio Cruz (5.000) 1 (último em 1998)

ClassificaçãoEditar

Desempenho por rodadaEditar

Clubes que lideraram o primeiro turno ao final de cada rodada:

Rodadas
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18
BAR TIR UNI TIR UNI TIR UNI

Clubes que ficaram na última posição do primeiro turno ao final de cada rodada:

Rodadas
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18
AMÉRICA FOOTBALL CLUB

FinalEditar

Primeira rodadaEditar

27 de julho Tiradentes   1 – 1
Pênaltis:
5 – 3
  Uniclinic Presidente Vargas, Fortaleza
16:00
Árbitro:  CE

PremiaçãoEditar

Campeonato Cearense Série B - 2015
 
Associação Esportiva Tiradentes
Campeão
(2º título)

Referências

  1. Crisneive Silveira, Juscelino Filho e Thaís Jorge (15 de janeiro de 2016). «FCF rebaixa Guarany de Sobral e comunica à CBF sobre Copa do Brasil». Globoesporte.com. Consultado em 15 de janeiro de 2016 
  2. Juscelino Filho (28 de janeiro de 2016). «Em julgamento, TJDF-CE mantém Guarasol na Série A do Cearense». Globoesporte.com. Consultado em 28 de janeiro de 2016