Capitão Fantástico

filme de 2016 dirigido por Matt Ross
(Redirecionado de Captain Fantastic)

Captain Fantastic (prt/bra: Capitão Fantástico[1][2]) é um filme de comédia dramática estadunidense de 2016 dirigido e escrito por Matt Ross.[3] Estrelado por Viggo Mortensen, conta a história de uma família forçada a se reintegrar na sociedade após uma década isolados.[4][5]

Capitão Fantástico
Captain Fantastic
Cartaz do filme
 Estados Unidos
2016 •  cor •  118 min 
Direção Matt Ross
Produção Monica Levinson
Jamie Patricof
Shivani Rawat
Lynette Howell Taylor
Roteiro Matt Ross
Elenco Viggo Mortensen
Frank Langella
Kathryn Hahn
Steve Zahn
Música Alex Somers
Cinematografia Stéphane Fontaine
Edição Joseph Krings
Companhia(s) produtora(s) Electric City Entertainment
ShivHans Pictures
Distribuição Bleecker Street
Lançamento 8 de julho de 2016
Idioma língua inglesa
Site oficial

Estreou no Festival de Cinema de Sundance em 23 de janeiro de 2016. Além disso, participou da sessão Un certain regard no Festival de Cannes 2016.[6]

ElencoEditar

EnredoEditar

Ben Cash, sua esposa Leslie e seus seis filhos vivem no deserto de Washington. Ben e Leslie são ex-ativistas anarquistas de esquerda que, desiludidos com o capitalismo e a vida americana, escolheram incutir habilidades de sobrevivência, política de esquerda e filosofia em seus filhos - educando-os a pensar criticamente, treinando-os para serem autossuficientes, fisicamente em forma e atléticos, guiando-os sem tecnologia, demonstrando a beleza de conviver com a natureza e comemorando o aniversário de Noam Chomsky em vez do Natal.

Leslie é hospitalizada por transtorno bipolar e, eventualmente, morre em decorrência de um suicídio. Ben descobre que o pai de Leslie, Jack, planeja realizar um funeral e enterro tradicional, mesmo que Leslie desejasse ser cremado. Eles discutem por telefone e Jack ameaça prender Ben se ele comparecer ao funeral. Inicialmente, ele decide não ir e impede que seus filhos o façam, mas depois muda de idéia, levando-os a uma viagem pela vida fora do deserto.

A família fica brevemente na casa de sua irmã, Harper. Ela e o marido tentam convencer Ben de que seus filhos deveriam frequentar a escola para receber uma educação convencional; Ben mostra que seus filhos são mais instruídos que os filhos de Harper. Ben chega ao funeral de Leslie com seus filhos e lê sua vontade, o que instrui sua família a crema-la e jogar as cinzas no vaso sanitário. Em resposta, Jack remove Ben à força.

Os filhos de Ben também começam a duvidar do pai e de suas habilidades parentais. Seu filho Rellian acusa Ben de não tratar a saúde mental de Leslie. Seu filho Bodevan acusa seu pai de não equipá-los para o mundo real, preparando-os para um despertar rude quando crescem e mostra a ele cartas de aceitação de faculdades das escolas da Ivy League para as quais Leslie o ajudou a se inscrever. Rellian quer morar com seus avós, que querem tomar a custódia dele. Quando a filha de Ben, Vespyr, tenta subir em uma janela para "libertar" Rellian dos avós, ela cai do telhado e evita por pouco quebrar o pescoço. Ben, chocado e culpado, permite que Jack leve seus filhos. Embora tenham se ligado aos avós, as crianças decidem seguir Ben novamente quando ele se afasta.

As crianças honram o desejo de Leslie e convencem Ben a ajudá-los, exumando seu cadáver, queimando-o em uma pira feita por eles mesmos e jogando suas cinzas no banheiro do aeroporto, como era de sua vontade. Bodevan então deixa a família para viajar pela Namíbia, enquanto o resto se instala em uma fazenda. A cena final mostra a família em volta da mesa da cozinha com o pai, esperando o ônibus da escola chegar.

ProduçãoEditar

A ideia do filme começou, para Matt Ross, quando ele começou a questionar as escolhas que ele e sua esposa estavam fazendo como pais. A partir daí, ele se perguntou o que aconteceria se estivesse "completamente presente" na vida de seus filhos, observando que a tecnologia moderna tornara isso difícil[7]. Ao fazer o filme, Ross também tirou trechos autobiográficos de sua própria vida, sendo criado enquanto criança no que ele chama de "comunidades de um modo de vida alternativo"[7].

Viggo Mortensen entrou para o elenco em fevereiro de 2014[8]. Em junho, foi anunciado que George MacKay, Annalize Basso, Samantha Isler, Nicholas Hamilton, Shree Crooks e o novato Charlie Shotwell também haviam sido escalados. Grande parte do restante do elenco se juntou em julho e agosto.

As filmagens começaram em julho de 2014, no oeste de Washington, com fotografias adicionais em Portland, Oregon.

Prêmios e indicaçõesEditar

Lista de prêmios e indicações
Premiação Categoria Indicação Resultado
Festival Internacional de Cinema de Bucheon Save Earth Captain Fantastic Venceu
Festival de Cannes
Melhor diretor Matt Ross Venceu
Un certain regard Captain Fantastic Indicado
Critics' Choice Awards[9] Melhor ator em comédia Viggo Mortensen Pendente
Festival de Cinema Americano de Deauville
Audience Award Captain Fantastic Pendente
Jury Prize Captain Fantastic Pendente
Grand Prix Captain Fantastic Indicado
Evening Standard British Film Awards[10] Melhor ator coadjuvante George MacKay Pendente
Independent Spirit Awards[11] Melhor papel masculino Viggo Mortensen Pendente
Festival Internacional de Cinema de Karlovy Vary Audience Award Captain Fantastic Venceu
Festival de Cinema de Nantucket Audience Award Captain Fantastic
Festival de Cinema de Roma BNL People's Choice Award Captain Fantastic Venceu
Satellite Awards[12] Melhor filme Captain Fantastic Pendente
Melhor ator Viggo Mortensen Pendente
Melhor roteiro original Matt Ross Pendente
Melhor design Courtney Hoffman Pendente
Festival Internacional de Cinema de Seattle Melhor filme Captain Fantastic Venceu
Oscar Melhor Ator Viggo Mortensen Indicado

Referências

  1. «Capitão Fantástico». no AdoroCinema 
  2. «Capitão Fantástico». no CineCartaz (Portugal) 
  3. «Sundance Institute Completes Feature Film Lineup For 2016 Sundance Film Festival». sundance.org. 7 de dezembro de 2015. Consultado em 13 de fevereiro de 2016 
  4. «2016 Cannes Film Festival Announces Lineup». IndieWire. Consultado em 14 de abril de 2016 
  5. «Cannes 2016: Film Festival Unveils Official Selection Lineup». Variety. Consultado em 14 de abril de 2016 
  6. Penderson, Erik (4 de fevereiro de 2016). «'Captain Fantastic' Gets Summer Release From Bleecker Street». Deadline.com. Consultado em 13 de fevereiro de 2016 
  7. a b Tedder, Michael (7 de julho de 2016). «This 'Silicon Valley' Actor Made One of the Strangest and Most Beautiful Films of the Summer». Esquire (em inglês). Consultado em 17 de outubro de 2020 
  8. Jr, Mike Fleming; Jr, Mike Fleming (20 de fevereiro de 2014). «Viggo Mortensen To Star In Electric City's 'Captain Fantastic'». Deadline (em inglês). Consultado em 17 de outubro de 2020 
  9. «La La Land Leads with 12 Nominations for the 22nd Annual Critics' Choice Awards». Critics' Choice. 1 de dezembro de 2016. Consultado em 1 de dezembro de 2016 
  10. Moore, William (17 de novembro de 2016). «Evening Standard British Film Awards - The Longlist». London Evening Standard. Consultado em 29 de novembro de 2016 
  11. Warren, Matt (22 de novembro de 2016). «2017 Film Independent Spirit Awards Nominations Announced!». Independent Spirit Awards. Consultado em 22 de novembro de 2016 
  12. Kilday, Gregg (29 de novembro de 2016). «Satellite Awards Nominees Revealed». The Hollywood Reporter. Consultado em 29 de novembro de 2016 
  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.