Abrir menu principal
Carlos Alberto Soffredini
Nascimento 6 de outubro de 1939
Santos, Brasil
Morte 10 de outubro de 2001 (62 anos)
São Paulo, Brasil
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Ocupação Pesquisador, autor, dramaturgo e diretor
Prémios Prêmio do Serviço Nacional de Teatro 1967

Carlos Alberto Soffredini (Santos, 6 de outubro de 1939 - São Paulo, 10 de outubro de 2001) foi um pesquisador, autor, dramaturgo e diretor que passou a ficar mais conhecido com trabalhos para a televisão brasileira. Seu trabalho enfocava a cultura popular brasileira.

BiografiaEditar

Graduado em Letras pela Faculdade de Filosofia de Santos, iniciou os trabalhos como diretor e autor em um grupo amador. Mais tarde, começou a estudar arte dramática.

Em 1975, dirigiu uma peça no Teatro de Cordel de São Paulo.

Em 1976, funda o Grupo de Teatro Mambembe, com características bem brasileiras e recursos circenses.

Em 1977, adapta peça a partir de obra de Gil Vicente.

Em 1985, Soffredini funda o Núcleo de Estética Teatral Popular e remonta várias peças de autoria própria.

Para a TV, escreveu a telenovela Brasileiras e Brasileiros em parceria com Walter Avancini.

A série Hoje é Dia de Maria foi baseada na obra de Soffredini [1].

EstiloEditar

Segundo enciclopédia do Itaú Cultural, Soffredini "sempre se lançou à experimentação, transpondo histórias populares para o teatro, buscando não a reprodução realista das formas populares, mas a revelação do universo poético presente em seus conteúdos" [2].

PrêmiosEditar

Em 1967, ganhou o prêmio do Serviço Nacional de Teatro [3]. Como cineasta, foi premiado no Festival de Gramado em 1985 pelo roteiro de A Marvada Carne.

Referências

  1. Hoje é Dia de Maria - Memória Globo, 2005 (visitado em 4-3-2010)
  2. Carlos Alberto Soffredini - Itaú Cultural, 11 de outubro de 2007 (visitado em 22-2-2010).
  3. Carlos Alberto Soffredini - O Palco, 2001 (visitado em 22-2-2010).