Abrir menu principal

Igreja Católica no Cazaquistão

(Redirecionado de Catolicismo no Cazaquistão)
IgrejaCatólicaEmblem of the Papacy SE.svg
Flag of Kazakhstan.png
Cazaquistão
Catedral de Karaganda
Ano 2005
Santo padroeiro Santo André[1]
Católicos 250.00
População 15.000.000
Núncio apostólico Miguel Maury Buendía
Códice KZ

A Igreja Católica Romana no Cazaquistão faz parte da Igreja Católica Apostólica Romana em todo o mundo, sob a liderança espiritual do Papa e da Cúria, em Roma. Existem aproximadamente 250.000 católicos romanos no Cazaquistão de uma população de 15 milhões.[2] A maioria dos católicos são poloneses, alemães e lituanos étnicos.[3] Há também 3.000 Católicos Gregos no país.[3] A população católica diminuiu após a queda do comunismo, por causa dos muitos católicos alemães que retornaram para a Alemanha.[3]

Índice

HistóriaEditar

No século II depois de Cristo, prisioneiros de guerra romanos cristãos foram levados para o que agora é o Cazaquistão depois de sua derrota pelos persas sassânidas.[2] Uma posição de bispo existiu no país, no século IV, e no final do século IV e início do século V, havia um mosteiro melquita.[2]

Periodo comunistaEditar

O chefe da União Soviética, Joseph Stalin, causou um grande aumento na população católica no Cazaquistão, pela expulsão dos católicos e seu clero para os campos de concentração no país. Alguns dos padres mais tarde decidiram ajudar a construir a Igreja naquele país.[2] No final dos anos de 1960, duas igrejas católicas foram registradas, uma em Alma-Ata e uma em Kustanai, e, posteriormente dissolvidas e foram re-matriculados.[4]

De 1991 até o presenteEditar

Com a queda do comunismo em 1991, a comunidade católica voltou totalmente à tona.[5] Em 1991, João Paulo II estabeleceu uma administração apostólica que cobre toda a Ásia Central.[6] Relações diplomáticas entre a Santa Sé e o Cazaquistão foram estabelecidas em 1994.[2] Em 1997, outros países da região, Quirquistão, Tajiquistão, Turcomenistão, e Uzbequistão tornaram todas as missões independentes, de modo que a administração apostólica para todo o Casaquistão foi baseada em Karaganda.[6] Em 1999, a administração apostólica foi dividida em quatro; três novas administrações apostólicas foram criadas, baseadas em Almaty, Astana, e Atyrau, e uma diocese foi criada em Karaganda.[3][6] Em 2001 com a visita de João Paulo II ao país ele se tornou o primeiro papa na história a visitar o Cazaquistão.[7] Em 2003, João Paulo II elevou Astana para arquidiocese e Almaty para diocese.[8] Em 2006, padres foram ordenado pela primeira vez no país.[9]

É publicada o jornal católico "Credo", onde é possível aprender sobre novidades e eventos da Igreja Católica em várias partes do Cazaquistão, além de artigos sobre a vida espiritual, a fé e textos litúrgicos. "Credo" é o primeiro jornal católico do Cazaquistão.[10]

Referências

  1. (em inglês) The Voice of Russia. Acesso em 25 de fevereiro de 2014.
  2. a b c d e «Church in Kazakhstan Affirms Asiatic Identity». Zenit News Agency. 17 de abril de 2008. Consultado em 18 de novembro de 2008. Arquivado do original em 21 de abril de 2008 
  3. a b c d «KAZAKHSTAN UCAN Interview - Chairman Of Kazakhstan's Bishops Hopes For Local Vocations». Union of Catholic Asian News. 26 de dezembro de 2007. Consultado em 19 de novembro de 2008 
  4. Ramet, Sabrina P. (1990). Catholicism and Politics in Communist Societies. [S.l.]: Duke University Press. ISBN 0822310473 
  5. «KAZAKHSTAN Greek Catholic Church Gets First Locally Ordained Priest». Union of Catholic Asian News. 4 de julho de 2007. Consultado em 18 de novembro de 2008 
  6. a b c «KAZAKHSTAN POPE ERECTS NEW DIOCESE, THREE APOSTOLIC ADMINISTRATIONS». Union of Catholic Asian News. 18 de agosto de 2099. Consultado em 18 de novembro de 2008. Arquivado do original em 15 de outubro de 2013  Verifique data em: |data= (ajuda)
  7. Zenit Staff (18 de maio de 2003). «Two New Dioceses Erected in Kazakhstan». Zenit News Agency. Consultado em 18 de novembro de 2008. Arquivado do original em 7 de junho de 2011 
  8. «KAZAKHSTAN Bishop Schneider Installed, First Auxiliary Bishop In Central Asia». Union of Catholic Asian News. 1 de agosto de 2006. Consultado em 19 de novembro de 2008. Arquivado do original em 15 de outubro de 2013 
  9. «KAZAKHSTAN First Priestly Ordination Ceremony Held On Kazakh Soil». Union of Catholic Asian News. 12 de junho de 2006. Consultado em 18 de novembro de 2008. Arquivado do original em 15 de outubro de 2013 
  10. «Kazakchstan po polsku». Catholic-kazakhstan.org. Consultado em 21 de maio de 2011. Arquivado do original em 9 de junho de 2011 

Ligações externasEditar