Abrir menu principal

Centro (Fortaleza)

bairro central de Fortaleza
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde julho de 2017). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Centro de Fortaleza
  Bairro do Brasil  
Praça do Ferreira: o coração do Centro de Fortaleza
Praça do Ferreira: o coração do Centro de Fortaleza
Distrito Fortaleza (Sede)
Município Fortaleza
Bairros limítrofes
Área
- Total 5,45 km²
População
 - Total 24 775
- IDH 0,556
Limites Norte: Oceano Atlântico
Sul: Benfica, José Bonifácio e Joaquim Távora
Leste: Praia de Iracema, Meireles e Aldeota
Oeste: Jacarecanga, Otávio Bonfim e Moura Brasil
Subprefeitura SERCEFOR
Fonte: Prefeitura de Fortaleza/2015?

Centro de Fortaleza designa tanto um bairro da cidade de Fortaleza, no estado do Ceará, no Brasil, quanto a região em que este bairro está inserido.[1] É nessa região que estão os mais antigos prédios da cidade.

Índice

HistóriaEditar

O bairro desenvolveu-se às margens do riacho Pajeú. O bairro abriga o berço histórico da cidade: o Forte Schoonenborch, construído pelos holandeses durante sua segunda permanência no local, entre 1649 e 1654. O lema da cidade de Fortaleza (presente em seu brasão) é a palavra em latim Fortitudine, que, em português, significa: "força, valor, coragem". Ao longo dos séculos XIX e XX, Fortaleza passou por uma concentração de atividades diversificadas em torno dos bairros residenciais que estavam em formação na região central da cidade. Em poucos anos, as funções políticas reforçavam o desenvolvimento econômico da cidade, promovendo pequenas mudanças na disposição estrutural em algumas áreas, onde casas tradicionais passavam a servir de sede de alguma atividade comercial.

Naquela época, a cidade ainda não oferecia condições naturais para construção de um porto que pudesse suprir a maioria das atividades comerciais. A saída foi o investimento em construções de atracadouros artificiais no Centro de Fortaleza. Em torno dessa área, muitas casas residenciais passaram a servir de depósitos para suprir a demanda das atividades comerciais crescente. Os proprietários passaram então a ocupar as áreas metropolitanas da cidade. Com a mudança do porto para a região do Mucuripe, nas décadas de 1940 e 1950, a área sofreu um progressivo esvaziamento, e os imóveis, que foram ocupados como depósitos e salas, voltaram a servir de moradia e de pequenos comércios, dando início a um processo de reocupação e urbanização desorganizada.

GaleriaEditar

LimitesEditar

É limitado a norte pelo bairro Moura Brasil e o Oceano Atlântico; a noroeste pelo bairro da Jacarecanga; a oeste pelo bairro Farias Brito; a sul pelo bairro Jose Bonifácio. Vários avenidas formam os limites do Centro, como Domingos Olimpio,Padre Ibiapina Filomeno Gomes. O bairro faz limite ainda com os bairros de Joaquim Távora, Aldeota, Praia de Iracema, Benfica, Farias Brito, Arraial Moura Brasil.

Ver tambémEditar

Referências

  Este artigo sobre bairros é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.