Clássico da Paz (Fortaleza)

Clássico da Paz
Ceará 138 vitória(s), 463 gol(s)
Ferroviário 69 vitória(s), 304 gol(s)
Empates 89
Total de jogos 296
Total de gols 767
editar
Disambig grey.svg Nota: Se procura o clássico carioca homônimo, veja Clássico da Paz (Rio de Janeiro).

O Clássico da Paz é um dos três clássicos disputados pelos chamados clubes grandes da cidade de Fortaleza, no Nordeste do Brasil. A disputa opõe os corais do Ferroviário Atlético Clube, o Tubarão da Barra, fundado em 9 de maio de 1933, aos alvinegros do Ceará Sporting Club, o Vovô, fundado em 2 de junho de 1914.

Esta é uma rivalidade que alcançou grande status nas décadas de 1940 e 1950 pela popularidade dos dois clubes entre as massas que acorriam aos campos de jogo. Tal disputa, à época, chegou a ser chamada "Clássico das Multidões".[1]

Os enfrentamentos entre as duas equipes começaram em 1939, pelo estadual daquele ano. O Ceará Sporting saiu vencedor pelo placar de 4 a 3. No ano seguinte, ocorreu a primeira vitória coral por 2 a 1, também pelo Campeonato Cearense.

Desde 1939, segundo o site RSSSF,[2][3] ocorreram quase 300 encontros oficiais entre as duas equipes, a maioria dos quais valendo por campeonatos cearenses, e alguns por edições do Campeonato Brasileiro da Série B e do Campeonato do Nordeste.

Estatística geralEditar

A estatística referente aos embates oficiais do Clássico da Paz é esta:

  • Vitórias do Ceará: 138
  • Empates: 89
  • Vitórias do Ferroviário: 69
  • Gols do Ceará: 463
  • Gols do Ferroviário: 304

A última partida considerada é a de 1 de setembro de 2019, uma vitória alvinegra por 2 a 1, pela Copa Fares Lopes.

Outros números do clássicoEditar

  • Maior tabu pró-Ceará: 17 partidas, sendo 10 vitórias e 7 empates, entre 1981 e 1982;
  • Maior tabu pró-Ferroviário: 10 partidas, sendo 6 vitórias e 4 empates, entre 1994 e 1995;
  • Maior sequência de vitórias seguidas do Ceará: dez, de 1940 a 1946;
  • Maior sequência de vitórias seguidas do Ferroviário: quatro, de 1947 a 1948 e de 1967 a 1968;
  • Maior sequência de empates seguidos: cinco, em 1982 e entre 1995 e 1996;
  • Maiores goleadas alvinegras: Ceará 10 a 1, pelo Campeonato Cearense de 1941, e 9 a 1, pelo Campeonato Cearense de 1993;
  • Maiores goleadas corais: Ferroviário 5 a 1 em um amistoso em 1945 e 4 a 0, pelos Campeonatos Cearenses de 1948, 1953, 1968 e 2006;
  • Partida com o maior número de gols: Ceará 10 a 1, pelo Campeonato Cearense de 1941;
  • Em oito decisões de campeonatos cearenses, os dois clubes se encontram empatados, cada um com quatro decisões ganhas: Ferroviário em (1952, 1970, 1979 e 1994) e Ceará em (1980, 1996, 1998 e 2017).

Referências