Abrir menu principal

Consoles de videogame de quarta geração

Na história dos consoles de videogame, a quarta geração (também conhecida com a era dos 16-bits) compreende os consoles lançados entre os anos de 1987 e 1996, dentre os quais destacam-se o Mega Drive, o Neo Geo e o Super Nintendo. Essa quarta geração tinha aparelhos com processadores de 16-bit e foi sucedida pela quinta geração, com um grande salto na capacidade de processamento e armazenamento dados, na qual se destacou o PlayStation. Algumas características marcantes da geração que diferenciam da terceira geração incluem:

  • Microprocessadores de 16 bits mais poderosos.
  • Controladores de jogo com 3 a 8 botões.
  • Rolagem paralaxe com cenários de muitas camadas, contendo escalação e rotação em pseudo-3D.
  • Sprites maiores (de até com 64x64 ou 16x512 píxeis).
  • Cores mais elaboradas, de 64 a 256 (ou 4096) na tela, em paletas de 512 a 32,768 (ou 65,536) cores.
  • Gráficos pré-renderizados em simples polígonos 3D.
  • Introdução de formato CD-ROM (primeiramente em periféricos de consoles), capacitando enormes armazenamentos vídeos em full motion.
  • Áudio estéreo com vários canais independentes (no máximo 10), com som digital (PCM, ADPCM e Red Book).
  • Síntese de som avançado (síntese de formas de onda e síntese FM)

Índice

ComparaçãoEditar

Nome TurboGrafx-16/PC-Engine Sega Mega Drive/Genesis Neo-Geo Super Nintendo/Super Famicom
Fabricante NEC e Hudson Soft Sega SNK Nintendo
Console  
 
 
 
   
 
Preço de lançamento R$1000[carece de fontes?]   Cr$ 70 000[1]   US$ 750[2]   CR$ 20 000[3]
Data de lançamento   30 de outubro de 1987
  1º de setembro de 1989
  1990
  29 de outubro de 1988
  19 de setembro de 1989
  30 de novembro de 1990
  1º de setembro de 1990[1]
  31 de janeiro de 1990
  18 de agosto de 1991
  12 de julho de 1993[2]
  21 de novembro 1990
  13 de agosto 1991
  11 de Abril 1992
  30 de agosto de 1993[3]
Mídia Data Card e CD-ROM (com acessório) Cartucho e CD-ROM (com acessório Sega CD), Data Card (com acessórios Master-Gear e Power Base), Download Digital ( com acessório Sega Channel *apenas para download de demonstrações* ) Cartucho, Data Card (apenas no Japão), CD-ROM Cartucho e Download Digital ( com acessório Satellaview )
Jogos mais vendidos Bonk's Adventure Sonic the Hedgehog The King of Fighters '95 Super Mario World
Compatibilidades Nenhuma Sega Master System (usando Power Base Converter) Nenhuma Game Boy (Usando o acessório Super Game Boy)
Acessórios
Memória 8 KiB work RAM
64 KiB video RAM
64 KiB main RAM
64 KiB video RAM
64 KiB main RAM
64 KiB video RAM
128 KiB main RAM
64 KiB video RAM
64 KiB audio RAM

Unidades vendidasEditar

Console Unidades vendidas Data
Super Nintendo Entertainment System 49 milhões[4] 11 de Fevereiro de 2006
Sega Mega Drive/Sega Genesis 29 milhões[5][6][7] 1 de Dezembro de 2006
TurboGrafx-16 10 milhões[8] N/D

PortáteisEditar

Os portáteis foram popularizados nesta geração, quando as empresas apreciaram a nova linha de consoles que não precisava de tomadas para jogar. Daí em diante, foram criados muitos consoles portáteis.

Foram inúmeros os produtores,a SEGA criou o Game Gear,a Atari,fez o Lynx,e a Nintendo,o Game Boy,que se tornou o console mais vendido da história dos portáteis.

ComparaçãoEditar

Console Game Boy Sega Game Gear Atari Lynx Turbo Express
Imagem        
Preço de lançamento   Cr$ 145 000[9]   ¥ 19 800[10]
  Cr$ 150 000[11]
Não encontrado  US$249,00
Data de lançamento   21 de abril de 1989
  Agosto de 1989
  1990
  Outubro de 1991[9]
  6 de outubro 1990
    1991
  1992
  Agosto de 1991[9]
  Setembro de 1989
   1990
  16 de novembro de 1990
  1991
Mídia Cartucho Cartucho Cartucho Data card
Jogos mais vendidos Tetris, 35 milhões (vendas separadas e em conjunto)[12]
Pokémon Red, Blue e Green, aprox. 20 milhões combinados (no Japão e nos EUA)[13][14]
Sonic the Hedgehog 2 Road Blasters Bonk's Adventure
Quanto venderam 118 milhões 8,56 milhões entre 2 e 5 milhões 1,5 milhões

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b p. 9 do caderno "Economia". «Tec Toy lança no País o videogame Mega Drive». O Estado de S. Paulo. 111 (35513). 81 páginas. 22 de novembro de 1990. ISSN 1516-2931 
  2. a b p. 8 do caderno "Informática". «Neo Geo chega ao Brasil neste mês». São Paulo. O Estado de S. Paulo. 114 (36419). 40 páginas. 5 de julho de 1993. ISSN 1516-2931 
  3. a b «Nintendo chega hoje ao mercado». O Estado de S. Paulo. 30 de agosto de 1993. Consultado em 20 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 20 de fevereiro de 2014  Parâmetro desconhecido |pago= ignorado (ajuda)
  4. «Classic Systems—Super Nintendo Entertainment System» (em inglês). Consultado em 11 de fevereiro de 2006 
  5. Polsson, Ken. «Chronology of Sega Video Games» (em inglês). Consultado em 1 de dezembro de 2006 
  6. Pettus, Sam (janeiro de 2007). «SegaBase Volume 3 - Mega Drive / Genesis». SegaBase v1.10 (em inglês). Eidolon's Inn. 3 páginas. Consultado em 8 de setembro de 2007 
  7. Orlando, Greg (15 de maio de 2007). «Console Portraits: A 40-Year Pictorial History of Gaming» (em inglês). Wired News. 21 páginas. Consultado em 8 de setembro de 2007 
  8. Snow, Blake (4 de maio de 2007). «The 10 Worst-Selling Consoles of All Time» (em inglês). GamePro.com. Consultado em 28 de maio de 2007 
  9. a b c p. 9 do caderno "Economia". «Game Boy chega às lojas Mesbla». O Estado de S. Paulo. 112 (35791). 41 páginas. 15 de outubro de 1991. ISSN 1516-2931 
  10. Forster, Winnie (2005). The Encyclopedia of Game Machines. Consoles, Handhelds, and Home Computers 1972-2005 (em inglês). Utting: Gameplan. p. 139. ISBN 3000153594 
  11. p. 7 do caderno "Estadinho". «O primeiro portátil já está nas lojas». O Estado de S. Paulo. 112 (35754). 177 páginas. 1 de setembro de 1991. ISSN 1516-2931 
  12. «Did you know?» (em inglês). Nintendo. Consultado em 26 de novembro de 2007 
  13. «Japan Platinum Game Chart» (em inglês). The Magic Box. Consultado em 26 de novembro de 2007 
  14. «US Platinum Videogame Chart» (em inglês). The Magic Box. Consultado em 26 de novembro de 2007 
  Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.