Cyril Mango

Cyril Mango
Nascimento 14 de abril de 1928 (92 anos)
Constantinopla
Cidadania Reino Unido
Alma mater Universidade de St Andrews
Ocupação professor, historiador, professor universitário, bizantinista, historiador da arte, historiador da arquitetura
Empregador Universidade Harvard, King's College de Londres, Dumbarton Oaks

Cyril Alexander Mango (14 de abril de 1928 (92 anos) em Istambul) é um estudioso britânico de história, arte e arquitetura do Império Bizantino. É um antigo professor de língua e literatura grega bizantina e moderna do King's College e da Universidade de Oxford.[1] É irmão de Andrew Mango. Um de seus principais trabalhos, Os Mosaicos de Santa Sofia em Istambul (1962), detalha a história dos mosaicos de Santa Sofia.

BibliografiaEditar

  • A casa descarada. Um estudo do vestíbulo palácio imperial do Constantinopla (1959)
  • Mosaicos de Santa Sofia em Istambul (1962)
  • A Arte do Império Bizantino (1972)
  • Arquitetura bizantina (1976)
  • Bizâncio: O império da Terceira Roma (1980): ed. Portugal, "Bizancio, o império da nova Roma", Lisboa, 2008.
  • Bizâncio e sua imagem: história e cultura do Império Bizantino e sua herança (1984)
  • O desenvolvimento urbano de Constantinopla (séculos IV - VII) (1985)
  • Estudos em Constantinopla (1993)
  • Santa Sofia: uma visão para impérios (1997)
  • Chora: O pergaminho do céu (2000);
  • A História de Bizâncio de Oxford (2002); editado por Cyril Mango

Referências

  1. «Mango, Cyril (Alexander) 1928-» (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2013