David Marr

David Marr
Nascimento 19 de janeiro de 1945
Morte 17 de novembro de 1980 (35 anos)
Cambridge
Cidadania Reino Unido
Alma mater Universidade de Cambridge, Rugby School, Trinity College
Ocupação psicólogo, neurocientista, pesquisador de inteligência artificial, cientista da computação
Empregador Instituto de Tecnologia de Massachusetts
Causa da morte câncer

David Courtnay Marr (19 de janeiro de 1945 - 17 de novembro de 1980) foi um neurocientista e psicólogo britânico. Marr integrou resultados da psicologia, inteligência artificial e neurofisiologia em novos modelos de processamento visual. Seu trabalho teve grande influência na neurociência computacional e levou a um ressurgimento de interesse no campo.

Marr morreu de leucemia em Cambridge, Massachusetts. Seus achados estão reunidos no livro Visão: Uma investigação computacional da representação humana e do processamento de informação visual (ISBN 0-7167-1567-8), publicado postumamente e reeditado em 2010 pela MIT Press. Ele foi casado com Lucia. M. Vaina do Departamento de Engenharia Biomédica e Neurologia da Boston University. O Prêmio Marr, um dos mais prestigiados prêmios na área de visão computacional, foi batizado em sua homenagem.

Níveis de análiseEditar

Marr tratava a visão como um sistema de processamento de informação. Ele propôs, junto com Tomaso Poggio, a ideia de que é necessário se compreender sistemas de processamento de informação em três níveis de análise distintos e complementares. Essa ideia é conhecida em Ciência Cognitiva como a Hipótese dos Três Níveis de Marr [1]:

  • Nível computacional: O que o sistema faz (e.g., que problemas ele resolve ou supera) e, de maneira igualmente importante, por que ele faz algo.
  • Nível algorítmico/representacional: Como o sistema faz aquilo que ele faz; especificamente, quais representações ele utiliza e quais processos ele emprega para construir e manipular representações.
  • Nível físico: Como o sistema é realizado fisicamente (no caso da visão biológica, que estruturas neurais e atividades neuronais implementam o sistema visual).

Referências

  1. Dawson, Michael. "Understanding Cognitive Science." Blackwell Publishing, 1998