Abrir menu principal

David Thomas Ansted

geólogo e autor inglês
David Thomas Ansted
Dr. David T. Ansted
Nascimento 5 de fevereiro de 1814
Londres
Morte 13 de maio de 1880 (66 anos)
Melton, Suffolk
Nacionalidade Reino Unido Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
Ocupação geólogo, autor
Prêmios Membro da Royal Society

David Thomas Ansted (Londres, 5 de fevereiro de 1814 — Melton, Suffolk, 13 de maio de 1880) foi um geólogo e autor inglês.

Índice

Juventude, educaçãoEditar

Ansted nasceu em Londres em 5 de fevereiro de 1814. Foi educado no Jesus College, Cambridge, e depois de tomar o seu grau de Masters of Arts em 1839, foi eleito para uma bolsa do colégio.[1]

Inspirado nos ensinamentos de Adam Sedgwick, sua atenção foi dada à geologia, e era um respeitado geólogo já aos 30 anos de idade.[2] Em 1840 foi eleito professor de geologia no King's College de Londres, um cargo que ocupou até 1853.[3] A partir de 1845, Ansted foi também professor na academia militar britânica em Addiscombe, administrada pela Companhia Britânica das Índias Orientais, e professor de geologia no Colégio de Engenheiros Civis em Putney.

Ansted se tornou membro da Royal Society em 1844, e desde essa data até 1847, foi vice-secretário da Sociedade Geológica. O lado prático da geologia agora passou a ocupar a sua atenção e ele visitou várias partes da Europa como geólogo consultor e engenheiro de minas.[3]

Livros, levantamento de campos carboníferos no leste dos Estados UnidosEditar

"O Manual dos Procuradores de Ouro" (1849) do Dr. Ansted procurou aumentar as perspectivas de emigrantes para a corrida do ouro na Califórnia. Seus outros trabalhos publicados são: Geologia introdutória, descritiva, e prática (1844), O Compêndio do Geólogo (1845), Resumos de palestras sobre mineralogia, geologia, e geologia prática ... (1848), Um curso elementar de geologia, mineralogia e geografia física (1850), O Grande Livro de Pedra da Natureza (1853), As aplicações da geologia às artes e manufaturas... (1865).

Em 1853, sua reputação era tamanha que foi contratado por investidores potenciais para pesquisar jazidas de carvão promissoras ao longo do rio Novo no sul da Virgínia nos Estados Unidos, e foi um dos primeiros geólogos a identificar os ricos veios de carvão betuminoso existentes lá. Seu trabalho preparou o palco para o grande aumento de negócios de mineração na área, onde ele investiu em terras ao longo da Midland Trail no Condado de Fayette, no que se tornou o novo estado de Virgínia Ocidental em 1863, durante a Guerra Civil Americana (1861-1865).

Um protegido do Dr. Ansted, William Nelson Page (1854-1932), se tornou um líder industrial e desenvolvedor de fornalhas de ferro, minas de carvão e ferrovias na área, liderança e gestão de empresas, tais como a Victoria Furnace em Goshen, Virgínia e a Gauley Mountain Coal Company para os investidores ausentes, muitos dos quais eram baseados no exterior no Reino Unido.

Charles DarwinEditar

Dr. Ansted trocou correspondências com Charles Darwin por volta de 1860. Em 1868, Dr. Ansted se tornou um examinador em Geografia Física do Departamento de Ciência e Arte do King's College.

Ansted morreu em Melton, perto de Woodbridge em Suffolk, Inglaterra em 13 de maio de 1880.

LegadoEditar

A cidade de Ansted no Condado de Fayette recebeu este nome em sua homenagem em 1873.

Notas

  1. Venn, J.; Venn, J. A. «Ansted, David Thomas». Cambridge University Press. Arquivado do original em 27 de agosto de 2012 
  2. Van Riper, A. Bowdoin,. «David Ansted and the rise of West Virgnia Coal Mining, 1850-1880». The Geological Society of America (GSA) 
  3. a b Chisholm 1911, p. 84.

Referências

Ligações externasEditar