Abrir menu principal

Pelo conteudo do artigo , deveria se chamar Teoria Científica e nao teoria que é um termo muito mais abangente.

--Ewertonandrade (discussão) 04h49min de 25 de Janeiro de 2008 (UTC)

O pensamento lógico dedutivo foi criado pelo Aristóteles e foi usado pelos escolasticos na idade média, mais foi abandonado na Renascença, pois Galileu, Francis Bacon e outros demonstraram que a lógica não funcionava. Ainda encontramos muitos livros antigos que usam este termo. A lógica não faz parte da matemática pois derivou do pensamento sofista que é pensar atravez de palavra. Lógica derivou da palavra logo que em grego significa palavra,sabedoria.

--Sergio Kaminski (discussão) 02h32min de 31 de Janeiro de 2008 (UTC)

Na Renascença Foram criados os conceitos de Lei, Teoria e Hipotese. Onde teoria era algo já testado, a hipotese era algo igual a uma consjectura e lei seria algo imutavel. Com a descoberta do fato que a orbita do planeta mercurio não batia com a lei da gravidade de Newton (o que foi provado por Einstein em 1917), todo este conceito foi modificado, pois o conceito de lei não mais valia e o conceito de Hipotese também não tinha mais sentido. Foi então criado um novo conceito de teoria.

O conceito de teoria cientifica teve basicamente três versões. Uma dos gregos, outro na Renascença e uma mais rescente e atual. Por isso temos tantos visões de teorias, não que estejam erradas, mas são de épocas diferentes, com visões diferentes. O ultimo conceito é este:

--Sergio Kaminski (discussão) 02h40min de 31 de Janeiro de 2008 (UTC)


Teoria cientifica – A função da ciência é descrever a natureza da forma como ela é, e não da maneira que gostaríamos que ela fosse. Esta frase do grego Demócrito é um dos pilares do pensamento cientifico. Uma teoria cientifica é uma idéia que tenta prever com alto grau de exatidão os fenômenos da natureza. Sempre que observamos algum fato, que contraria a teoria, devemos abandonar ou modificar a teoria.

No pensamento cientifico o fato sempre é superior à idéia, sendo que o fato sempre pode destruir a idéia. Isso é diferente do pensamento místico religioso, que coloca a idéia como sendo superior o fato. Uma pessoa mística, sempre defende o seu mito, mesmo que você mostre vários fatos que destruam a sua idéia, ela sempre irá acreditar na sua idéia, por a coloca acima dos fatos. A palavra acreditar é muito usada por uma pessoa mística, mas um cientista nunca a usa, pois a natureza é quem sempre manda e não as idéias das pessoas.

Por isso, uma teoria cientifica é sempre uma hipótese, pois mais cedo ou mais tarde, aparece um fato que irá destruí-la. Quando uma teoria é destruída, transforma-se em um mito. Toda teoria tem que funcionar na pratica, pois se a idéia não funcionar, é um mito.

A Física explica a Química, que explica a Biologia, que explica Geologia, que explica a astronomia. Isso ocorre porque a natureza é única, ou seja, não existem varias natureza. A ciência é única, e não podem existir idéias isoladas na ciência. Idéias isoladas são mitos.

O pensamento cientifico, está sempre evoluindo pois sempre preserva a ultima idéia. O cientista tem de ser sempre humilde para destruir as suas próprias idéias.

--Sergio Kaminski (discussão) 02h32min de 31 de Janeiro de 2008 (UTC)

Proposta de separaçãoEditar

Proponho que as secções "Teoria#Teoria científica" e Teoria#Teoria segundo Hawking segundo seja separada numa nova página chamada "Teoria científica". O conteúdo da página atual parece possuir demasiada informação e esta secção é grande o suficiente para possuir sua própria página, além de uma página separada impele editores a melhorarem o artigo, o que dificilmente acontece com uma secção. —CaiusSPQR(discussão) 15h32min de 2 de abril de 2019 (UTC)

Regressar à página "Teoria".