Effigia foi um réptil pré-histórico que habitou a Terra durante o final do período Triássico da era mesozóica. Seus restos fossilizados foram descobertos no Novo México, em 2006.[1]

Como ler uma infocaixa de taxonomiaEffigia
Ocorrência: Triássico superior
Effigia BW.jpg
Estado de conservação
Pré-histórica
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Sauropsida
Ordem: Rauisuchia
Família: Poposauridae
Género: Effigia
Espécie: E. okeeffeae
Nome binomial
Effigia okeeffeae
Nesbitt & Norell, 2006

Apesar da semelhança, o Effigia não era um dinossauro e sim um réptil da ordem dos rauisuchia, parente mais próximo dos crocodilos atuais. A incrível semelhança com os dinossauros bípedes se trata do que é provavelmente o mais extremo caso de evolução convergente, ou evolução paralela já visto.[2]

ReferênciasEditar

  1. «Effigia». www.reptileevolution.com. Consultado em 23 de junho de 2021 
  2. Sterling J Nesbitt; Mark A Norell (7 de maio de 2006), «Extreme convergence in the body plans of an early suchian (Archosauria) and ornithomimid dinosaurs (Theropoda)», Proceedings of the Royal Society B, ISSN 0962-8452 (em inglês), 273 (1590): 1045-8, PMC 1560254 , PMID 16600879, doi:10.1098/RSPB.2005.3426, Wikidata Q24676456 
  Este artigo sobre Animal pré-histórico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.