Egas Gomes de Sousa

Egas Gomes de Sousa
Nascimento 1035
Condado Portucalense
Morte Condado Portucalense
Sepultamento Mosteiro de Pombeiro
Cidadania Portugal
Progenitores Pai:Gomes Echigues
Filho(s) Mem Viegas de Sousa
Irmão(s) Sancha Gomes de Sousa
D. Egas Gomes de Sousa, em gravura de 1694

D. Egas Gomes de Sousa (1035 -?) Foi um nobre do Condado Portucalense e o primeiro da sua linhagem a usar o apelido Sousa. Foi senhor das Terras de Sousa e de Felgueiras.

BiografiaEditar

Exerceu o cargo de governador de toda a comarca de Entre Douro e Minho. Foi capitão-general, e como tal em combate venceu o rei de Tunes, num combate junto à cidade de Beja. Esse acto valeu-lhe o acrescento ao seu brasão, do epíteto: "Bastões de Aragão", das quatro luas crescentes que o dito rei de Tunes trazia nas suas bandeiras. Foi enterrado no Mosteiro de Pombeiro.

Relações familiaresEditar

Foi filho de D. Gomes Echigues (1010 - ?) e de sua 1.º esposa, Gontronde Moniz de Touro (1060 -?), filha de Munio Moniz de Bierzo (1030 - 1097), conde de Bierzo e de Muniadona Moniz (? - 1065). Casou em 1050 com Gontinha Gonçalves da Maia (1040 -?), filha de Gonçalo Trastamires, Senhor da Maia e de Mécia Rodrigues e trineta de D. Ramiro II de Leão, Rei de Leão, de quem teve:

  1. D. Mem Viegas de Sousa (1070 - 1130) casou com D. Teresa Fernandes de Marnel,
  2. D. Gomes Viegas,
  3. D. Paio Nunes de Sousa

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar


  Este artigo sobre figuras históricas de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.