Elasticsearch é um software de motor de busca baseado na biblioteca Apache Lucene, providenciando um banco de dados distribuído com índice reverso que permite busca em texto-livre em tempo real.[1] Possuí uma interface web HTTP e armazena os documentos no formato JSON. É desenvolvido em Java, e seu código-fonte é disponível publicamente sob uma licença proprietária.[2][3] Também é possível interagir com o ElasticSearch através de clientes Java,[4] .NET[5] (C#), PHP,[6] Python,[7] Ruby[8] e outras linguagens.[9]

Elasticsearch
Logótipo
Elastic Search
Desenvolvedor Elastic NV
Plataforma Multiplataforma
Modelo do desenvolvimento Misto
Lançamento 8 fevereiro 2010; há 14 anos
Versão estável 2.8.0
Escrito em Java
Gênero(s) Motor de busca
Licença Proprietária
Página oficial www.elastic.co/elasticsearch/

De acordo com a DB-Engines ranking, Elasticsearch é o motor de busca mais popular da indústria.[10]

Serviços gerenciados editar

Desenvolvido em 2015 a partir de uma aquisição,[11] a Elastic Cloud é uma oferta da Elastic de software como serviço de produtos relacionados ao ElasticSearch.[12] No final de 2017, a Elastic em parceria com a Google passou a oferecer o Elastic Cloud na Google Cloud Platform, e a Alibaba passou a oferecer o Elasticsearch e o Kibana na Alibaba Cloud.[13][14] Já a AWS oferece um serviço gerenciado de ElasticSearch desde 2015.[15][16][17][18]

ELK editar

Em paralelo ao Elasticsearch é desenvolvido o motor de coleção de dados e parsing de logs chamado Logstash, além da ferramenta de visualização Kibana, bem como o Beats que é uma coleção de coletores mais leves que o Logstash. Os quatro produtos formam uma solução integrada chamada de "Elastick Stack" ou "Elasticsearch, Logstash, Kibana", normalmente referido como ELK. Enquanto o ElasticSearch provê o motor de busca e o Logstash/Beats a coleta dos dados, o Kibana provê a visualização deles numa ferramenta na qual os usuários podem criar gráficos de barra, linha e dispersão, ou gráficos e mapas de torta em cima de grandes volumes de dados.[19][20][21][22]

Referências

  1. «Data in: documents and indicesedit». ElasticSearch. Consultado em 23 de dezembro de 2022 
  2. Krazit, Tom (21 de janeiro de 2021). «'It's not OK': Elastic takes aim at AWS, at the risk of major collateral damage». Protocol (em inglês). Consultado em 22 de janeiro de 2021 
  3. «No, Elastic X-Pack is not going to be open source - according to Elastic themselves -». Flax.co.uk (em inglês). 2 de março de 2018. Consultado em 14 de março de 2019 
  4. «Elasticsearch Java Client». github.com. Consultado em 7 de outubro de 2022 
  5. «Elasticsearch .NET Client». github.com. Consultado em 7 de outubro de 2022 
  6. «Elasticsearch PHP Client». github.com. Consultado em 7 de outubro de 2022 
  7. «Elasticsearch Python Client». github.com. Consultado em 7 de outubro de 2022 
  8. «Elasticsearch Ruby Client». github.com. Consultado em 7 de outubro de 2022 
  9. «Programming Language Clients». elastic.co. Consultado em 7 de outubro de 2022 
  10. «DB-Engines Ranking - popularity ranking of search engines». db-engines.com. Consultado em 10 de janeiro de 2016 
  11. Oliver, Andrew C. (10 de março de 2015). «Elasticsearch buys into search as a service, rebrands as 'Elastic'». InfoWorld.com (em inglês). Consultado em 1 de abril de 2019 
  12. «Elastic acquires search startup Swiftype». Social.techcrunch.com (em inglês). Consultado em 1 de abril de 2019 
  13. Yegulalp, Serdar (7 de abril de 2017). «Google Cloud to host open source Elasticsearch». InfoWorld.com (em inglês). Consultado em 1 de abril de 2019 
  14. «Alibaba Cloud to Offer Elasticsearch, Kibana, and X-Pack in China». Elastic.co (em inglês). 13 de outubro de 2017. Consultado em 1 de abril de 2019 
  15. «New – Amazon Elasticsearch Service». Amazon Web Services. 1 de outubro de 2015. Consultado em 22 de abril de 2019 
  16. «Amazon Elasticsearch Service – Amazon Web Services (AWS)». Amazon Web Services, Inc. (em latim). Consultado em 8 de fevereiro de 2019 
  17. «Hosted Elasticsearch & Kibana on AWS». Elastic.co. Consultado em 16 de outubro de 2016 
  18. «Elasticsearch Setup». Ctovision.com. Consultado em 16 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 21 de agosto de 2018 
  19. «Five reasons to upgrade to Kibana 4». theserverside.com (em inglês). Consultado em 7 de fevereiro de 2017 
  20. «Elastic brings order to its product line with Elastic Stack». Social.techcrunch.com (em inglês). Consultado em 1 de abril de 2019 
  21. «What is the ELK Stack?». ElasticSearch. Consultado em 23 de dezembro de 2022 
  22. «What is the ELK Stack?». AWS. Consultado em 23 de dezembro de 2022