Emberizidae

Como ler uma infocaixa de taxonomiaEmberizidae
Escrevedeira-amarela (Emberiza citrinella)
Escrevedeira-amarela (Emberiza citrinella)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Superordem: Passerimorphae
Ordem: Passeriformes
Subordem: Passeri
Infraordem: Passerida
Superfamília: Passeroidea
Família: Emberizidae
Vigors, 1831

Emberizidae é uma família de aves da ordem Passeriformes, presente em todos os continentes excepto na Oceania e Antártida. O grupo tem maior biodiversidade nas Américas e recebe o nome popular de escrevedeiras e, por vezes, pardais do Novo Mundo, embora constitua um clado distinto da família Passeridae. Há cerca de 29 géneros e 179 espécies de emberizídeos, cuja classificação ainda se encontra em debate; são por vezes agrupados com os fringilídeos. O grupo ocupa uma enorme diversidade de habitats terrestres, em climas temperados, tropicais e sub-tropicais e regiões polares, que incluem zonas áridas, desérticas, agrícolas, de floresta, tundra e pântanos. De entre os emberizídeos brasileiros contam-se os tico-ticos, os caboclinhos e os papa-capins.

Os emberizídeos são aves de pequeno a médio porte, com cerca de 10 a 25 cm de comprimento. Os machos são um pouco maiores que as fêmeas e, nas espécies onde o dimorfismo sexual está presente, têm cores mais brilhantes. O bico é curto e cónico, adaptado a uma alimentação à base de sementes e insectos. A maior parte das espécies não bebe água.

A época de reprodução ocorre no Verão ou na altura das chuvas. A maioria das espécies forma casais monogâmicos mas há excepções. O ninho é construído no solo ou em árvores, com gravetos e folhas e nunca é reaproveitado. As fêmeas põem entre 3 a 5 ovos de cor branca ou azulada, que incubam sozinhas ao longo de um período de 11 a 14 dias. Os juvenis são bastante precoces e tornam-se independentes em menos de um mês, atingindo a maturidade sexual ao fim do primeiro ano.

Os emberizínios são aves diurnas e bastante territoriais na época de reprodução. Algumas espécies, nomeadamente as que vivem a elevada latitude são migratórias. Dentro do grupo apenas os machos emitem vocalizações.

O IUCN não lista nenhuma espécie do grupo em perigo de extinção, mas as populações de embezerínios estão em declínio à escala mundial, devido a perda de habitats e desflorestação.

Pensa-se que os emberizínios tenham evoluído nas Américas tendo migrado para a Ásia e Europa via Estreito de Bering.

Gêneros [1][2]Editar

  1. Aimophila
  2. Ammodramus
  3. Amphispiza
  4. Arremon
  5. Arremonops
  6. Atlapetes
  7. Calamospiza
  8. Chlorospingus
  9. Chondestes
  10. Emberiza
  11. Gubernatrix
  12. Junco
  13. Melospiza
  14. Melozone
  15. Oriturus
  16. Paroaria
  17. Passerculus
  18. Passerella
  19. Peucaea
  20. Pezopetes
  21. Pipilo
  22. Pooecetes
  23. Porphyrospiza
  24. Pselliophorus
  25. Rhynchospiza
  26. Spizella
  27. Torreornis
  28. Xenospiza
  29. Zonotrichia


ReferênciasEditar


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Imagens e media no Commons
  Diretório no Wikispecies
  1. «Emberezidae Family». ITIS Report. Consultado em 16 de abril de 2020 
  2. «Family Emberizidae - Hierarchy - The Taxonomicon»