Abrir menu principal

Alterações

9 bytes removidos ,  01h02min de 30 de março de 2012
m
A linha foi originalmente concebida pelo engenheiro francês Eugène-Henri Gavand em 1867. O seu objetivo era facilitar o transporte entre os bairros de Pera (Beyoğlu) e [[Gálata]] (Karaköy), ambos na parte mais modernizada e ocidentalizada de Istambul, na margem norte do Corno de Ouro.<ref name=iett46 /> Havia muitas pessoas que trabalhavam nas zonas mais baixas ao nível do mar, e as suas casas situavam-se a 60&nbsp;metros de altitude.<ref name=Zeynep /> A única rua direta, a ''Yüksek Kaldırım'' é, como então, estreita e muito íngreme, com inclinações que chegam a 24%, o que impossibilitava o trânsito de veículos.<ref name=funimag2 /> Quando o ''Tünel'' foi construído era usada por {{fmtn|40000}} pessoas diariamente. Gavand concebeu o ''Tünel'' como "uma espécie de [[elevador]]" que tornaria a viagem muito mais fácil.<ref name=Zeynep />
 
Dois anos depois, depois de muitas negociações, a 6 de novembro de 1869, Gavand recebeu autorização do sultão [[Abd-ul-Aziz]] para iniciar o projeto e uma concessão de exploração de 42 anos. Depois de encontrar financiamento estrangeiro, Gavand fundou a empresa "Ferrovia Metropolitana de Constantinopla" para levar a cabo o projeto. As obras arrancaram em 30 de julho de 1871, mas as obras sofreram muitos atrasos devido a conflitos entre os donos dos terrenos e a empresa. O túnel só foi completado em dezembro de 1874 e a linha foi aberta ao serviço a {{dtext|17|1|1875}}.<ref name=iett46 /><ref name=Zeynep />
 
Ao princípio muita gente hesitava em usar o serviço devido aos comboios circularem debaixo de terra. Para provar às pessoas que o sistema era seguro, foi adicionado um vagão para transporte de animais.<ref name=iett46 />