Filmes de 1932 da RKO Pictures

A RKO em 1932Editar

 
Foto promocional de A Bill of Divorcement, com seus astros Katharine Hepburn e David Manners. Dirigido por George Cukor, o filme foi um grandes sucessos do ano.

Financeiramente, 1932 foi um dos piores anos para a RKO Pictures, mas, por outro lado, foi o ano em que foram feitas as melhores aquisições, no que se refere a talentos.[1] Graças à visão de David O. Selznick, foram contratados George Cukor, Merian C. Cooper e os futuros astros Fred Astaire e Katharine Hepburn.

Selznick, que chamava a si mesmo de Produtor Executivo (cargo do qual ele dizia ser o criador),[2] despediu a maioria dos diretores, considerados fracos, e concentrou-se na administração do estúdio, reduzindo despesas e tirando sangue dos parcos recursos disponíveis. Supervisionava somente as produções mais importantes, como as de Cukor e Gregory La Cava,[2] deixando as restantes para seus homens de confiança. Ele também separou completamente a RKO Pathé, que tornou-se apenas uma ala isolada da empresa, e decidiu alugar o estúdio de Culver City. A RKO sentiu o impacto das medidas impostas por Selznick e a qualidade de seus filmes começou a melhorar.[3] Foi graças à insistência dele que Cukor conseguiu driblar as suspeitas da diretoria e levar adiante A Bill of Divorcement, What Price Hollywood? e Little Women, três sucessos que tiveram a participação da novata Katharine Hepburn.[2]

Entretanto, mudanças nos altos escalões da companhia levaram a divergências irreconciliáveis entre Selznick e seus superiores, e ele deixou a empresa no início do ano seguinte, com destino à MGM. Uma de suas últimas medidas foi aprovar o teste com Fred Astaire, medida considerada imprudente tendo em vista a magreza, calvície e idade do artista. Estavam abertas, porém, as portas para os grandes musicais que reuniram o ator com Ginger Rogers.[2]

Em 1932, a RKO lançou 47 filmes. Os campeões de bilheteria foram Bring 'Em Back Alive, A Bill of Divorcement e The Phantom of Crestwood.[1] What Price Hollywood? recebeu uma indicação ao Oscar, na categoria Melhor História Original.

O prejuízo da empresa no ano somou mais de dez milhões de dólares, valor inferior às perdas da Paramount Pictures (21 milhões) e Warner Bros. (14 milhões).[1]

Prêmios OscarEditar

Quinta cerimônia, com os filmes exibidos entre 1 de agosto de 1931 e 31 de julho de 1932

Filme Indicações Premiações
What Price Hollywood? Melhor História Original ---

Outras premiaçõesEditar

Os filmes do anoEditar

Título original Título PT/BR Título PT/PT Astros Diretor
The Age of Consent Dorothy Wilson, Arline Judge Gregory La Cava
The Animal Kingdom Pouco Amor Não É Amor Ann Harding, Leslie Howard Edward H. Griffith
Beyond the Rockies Tom Keene, Rochelle Hudson Fred Allen
A Bill of Divorcement Vítimas do Divórcio Vítimas do Divórcio John Barrymore, Billie Burke George Cukor
Bird of Paradise Ave do Paraíso Ave do Paraíso Dolores del Rio, Joel McCrea King Vidor
Bring 'Em Back Alive Caçá-los Vivos Documentário Clyde E. Elliott
Carnival Boat O Amor Fez Dele Um Homem William 'Stage' Boyd, Ginger Rogers Albert S. Rogell
Come On Danger Tom Keene, Julie Haydon Robert F. Hill
The Conquerors A Caravana Richard Dix, Ann Harding William A. Wellman
Girl Crazy Bert Wheeler, Robert Woolsey William A. Seiter
Girl of the Rio Grande Fidalgo Dolores del Rio, Leo Carrillo Herbert Brenon
Ghost Valley Tom Keene, Kate Campbell Fred Allen
The Half-Naked Truth A Verdade Seminua A Verdade Semi-Nua Lupe Velez, Lee Tracy Gregory La Cava
Hell's Highway Richard Dix, Tom Brown Rowland Brown
Hold 'Em Jail O Presídio Diverte-se Bert Wheeler, Robert Woolsey Norman Taurog
Is My Face Red? Helen Twelvetrees, Ricardo Cortez William A. Seiter
Ladies of the Jury Edna May Oliver, Jill Esmond Lowell Sherman
Lady with a Past Cocktail de Amores Constance Bennett, Ben Lyon Edward H. Griffith
Little Orphan Annie Mitzi Green, Buster Phelps John S. Robertson
The Lost Squadron Vingança de Águias Richard Dix, Mary Astor George Archainbaud
Men Are Such Fools Os Homens São Uns Trouxas Wayne Morris, Priscilla Lane Busby Berkeley
Men of America Bill Boyd, Charles 'Chic' Sale Ralph Ince
Men of Chance Ricardo Cortez, Mary Astor George Archainbaud
The Most Dangerous Game Zaroff, O Caçador de Vidas O Malvado Zaroff Joel McCrea, Fay Wray Irving Pichel, Ernest B. Schoedsack
The Office Girl Renate Mueller, Jack Hulbert Victor Saville
Panama Flo Helen Twelvetrees, Robert Armstrong Ralph Murphy
Partners Tom Keene, Nancy Drexel Fred Allen
Peach O'Reno Especialistas em Divórcio Os Ases do Divórcio Bert Wheeler, Robert Woolsey William A. Seiter
Penguin Pool Murder Edna May Oliver, Robert Armstrong George Archainbaud
The Phantom of Crestwood O Fantasma de Crestwood Ricardo Cortez, Karen Morley J. Walter Ruben
Prestige Prestígio Ann Harding, Adolphe Menjou Tay Garnett
Renegades of the West Tom Keene, Roscoe Ates Casey Robinson
The Roadhouse Murder Dorothy Jordan, Eric Linden J. Walter Ruben
Roar of the Dragon Manchúria (Nas Garras do Dragão) Richard Dix, Gwili Andre Wesley Ruggles
Rockabye Caluniada Constance Bennett, Joel McCrea George Cukor
The Saddle Buster Tom Keene, Helen Foster Fred Allen
Secrets of the French Police Segredos da Polícia de Paris Frank Morgan, Gwili Andre A. Edward Sutherland
The Sport Parade Joel McCrea, Marian Marsh Dudley Murphy
State's Attorney A Última Acusação John Barrymore, Helen Twelvetrees George Archainbaud
Strange Justice Marian Marsh, Reginald Denny Victor Schertzinger
Symphony of Six Million Sinfonia dos Seis Milhões Ricardo Cortez, Irene Dunne Gregory La Cava
The Theft of the Mona Lisa O Roubo da Gioconda Trude von Molo, Willi Forst Géza von Bolváry
Thirteen Women Treze Mulheres Irene Dunne, Ricardo Cortez George Archainbaud
Westward Passage Ann Harding, Laurence Olivier Robert Milton
What Price Hollywood? Hollywood Constance Bennett, Lowell Sherman George Cukor
A Woman Commands Pola Negri, Roland Young Paul L. Stein
Young Bride Helen Twelvetrees, Eric Linden William A. Seiter

Referências

  1. a b c d JEWELL, Richard B. e HARBIN, Vernon, The RKO Story, terceira impressão, Londres: Octopus Books, 1984 (em inglês)
  2. a b c d SCHATZ, Thomas, O Gênio do Sistema - A Era dos Estúdios em Hollywood, São Paulo: Companhia das Letras, 1991
  3. Rodrigues da Silva, Divino. «A História e os Filmes da RKO na Década de 30». edição de autor. Matinê (1) 

Referências bibliográficasEditar

  • FILHO, Rubens Ewald (2002). Dicionário de Cineastas. São Paulo: Companhia Editora Nacional 
  • JEWELL, Richard B. e HARBIN, Vernon, The RKO Story, terceira impressão, Londres: Octopus Books, 1984 (em inglês)
  • SCHATZ, Thomas, O Gênio do Sistema - A Era dos Estúdios em Hollywood, São Paulo: Companhia das Letras, 1991
  • Rodrigues da Silva, Divino. «A História e os Filmes da RKO na Década de 30». edição de autor. Matinê (1)