Abrir menu principal
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Aviação.
Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para revisão desde setembro de 2017.
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde setembro de 2017). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Fokker F28
Avião
F28 da Piedmont
Descrição
Tipo / Missão Avião comercial de curto alcance.
País de origem  Países Baixos
Fabricante Fokker
Período de produção 1967-1987
Quantidade produzida 241
Desenvolvido em Fokker 100
Primeiro voo em 9 de maio de 1967 (52 anos)
Introduzido em 1969
Passageiros 70
Especificações
Dimensões
Comprimento 27,40 m (89,9 ft)
Envergadura 25,07 m (82,3 ft)
Altura 8,47 m (27,8 ft)
Peso(s)
Peso carregado 33 110 kg (73 000 lb)
Performance
Velocidade máxima 843 km/h (455 kn)
Velocidade de cruzeiro 678 km/h (366 kn)
Teto máximo 12 575 m (41 300 ft)

O Fokker F28 Fellowship é uma aeronave de porte médio, projetada e construída pela indústria aeronáutica holandesa Fokker para atender mercados domésticos e regionais.

Índice

HistóriaEditar

 
Protótipo do Fokker F28-2000

O F28 Fellowship foi desenvolvido para complementar o já bem sucedido turboélice Fokker F27 Friendship. A Fokker iniciou o seu desenvolvimento em 1960, depois de perceber que o mercado carecia de aeronaves com maior desempenho, motores a jato capacidade superior ao F27. Os detalhes iniciais do F28 foram divulgados em abril de 1962 e a produção da aeronave teve início em 1964. O primeiro dos três protótipos voou pela primeira vez em 9 de maio de 1967, com certificação e entrega ao cliente lançador do modelo em 24 de fevereiro de 1969. É o predecessor do Fokker MK-28, conhecido como Fokker 100.

O F28 foi desenvolvido em uma gama de modelos (vide derivações abaixo). A produção inicial foi do MK 1000, que possuía entre 55 e 65 assentos. O MK 2000 foi essencialmente semelhante, mas contou com um alongamento da fuselagem em 2,21 metros, o que aumentou a capacidade máxima para 79 passageiros.

Os MK 5000 e MK 6000 foram baseados nos MK 1000 e MK 2000, respectivamente, mas introduziram uma asa de extensão mais longa (1,49 metros). Essas versões não atraíram o interesse das companhias aéreas e apenas dois MK 5000 e MK 6000 foram construídos. Outra versão que não fez muito sucesso foi o MK 6600, que teria sido estendido em 2,21 metros, permitindo uma capacidade de até 100 assentos em um layout de alta densidade, destinado à companhias aéreas japonesas.

Os últimos modelos produzidos foram os MK 3000 e MK 4000, novamente com base no MK 1000 e MK 2000, respectivamente. Ambos introduziram uma série de melhorias.

DerivaçõesEditar

  • Mk 1000 Fellowship
  • Mk 1000 C - Cargueiro
  • Mk 2000 - Aumento na fuselagem
  • Mk 5000 - Slots e maior envergadura das asas
  • MK 6000 - Aumento na fuselagem
  • MK 6600 - Aumento na fuselagem

CaracterísticasEditar

Birreator a jato para 65 passageiros, motorização Bristol Siddeley BS.75, mais tarde substituídos pelos Rolls-Royce Spey.

Aeronaves Construídas e em OperaçãoEditar

Foram construídas e entregues 245 unidades, dos quais cerca de 50 estão em operação.

A falência da Fokker AircraftEditar

A falência ocorreu em 1996, após uma tentativa fracassada de salvamento por parte da corporação DASA / Daimler Chrysler européia.

Ver tambémEditar