Abrir menu principal
Frederico I
Burgrave de Nuremberga, Conde de Zollern
Esposa Sofia de Raabs
Descendência Frederico IV, conde de Zollern
Conrado I, Burgrave de Nuremberga
Elisabeth de Leuchtenberga
Casa Hohenzollern
Nascimento ca. 1139
Morte 1 de outubro de 1200 (61 anos)
Pai Frederico II de Zollern
Brasão

Frederico I de Nuremberga (ca. 1139 - 1 de outubro de 1200), também conde de Zollern como Frederico III, foi o primeiro Burgrave de Nuremberga da casa de Hohenzollern. Ele era o filho mais novo do conde Frederico II de Zollern.[1]

Índice

VidaEditar

A partir de 1171 Frederico I mostrou-se um adepto da dinastia de Hohenstaufen, ou seja, do Sacro Imperador Frederico I Barbarossa e seus filhos, o duque Frederico V da Suábia, o rei Filipe da Germânia e o futuro imperador Henrique VI, além de colaborar na ação de Barbarossa contra Henrique, o Leão em 1180.[2] Ao casar-se, Frederico cujas posses neste momento estavam no ducado da Suábia, desposou Sofia de Raabs, a herdeira do Burgraviate de Nuremberga em torno de 1184. Sofia era a única filha de Conrado II de Raabs.[1]

Quando ele recebeu o burgraviate de Henrique VI (que já havia se tornado imperador) após a morte de Conrado de Raabs em torno 1191, ele se tornou o fundador do ramo da Suábia e da linha francônica casa de Hohenzollern, que ele renomeou Hohenzollern neste tempo para distingui-la da casa de Zollern. Através de sua esposa, como única herdeira dos condados de Raabs e Abenberg, Frederico foi capaz de adicionar posses na Áustria e Francônia, respectivamente, para sua linha.[1]

DescendênciaEditar

Com Sofia de Raabs ele tinha seguintes filhos:

Referências

  1. a b c «Friedrich». Consultado em 9 de dezembro de 2014 
  2. «Friedrich I. Graf von Zollern». Consultado em 9 de dezembro de 2014 

Ligações externasEditar