Fritz John

matemático norte-americano
Fritz John
Nascimento 14 de junho de 1910
Berlim
Morte 10 de fevereiro de 1994 (83 anos)
New Rochelle
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade de Göttingen
Ocupação matemático
Prêmios Prêmio George David Birkhoff (1973), Gibbs Lecture (1975), Prêmio Leroy P. Steele (1982)
Empregador Universidade de Nova Iorque
Orientador(es) Richard Courant
Orientado(s) Clifford Gardner
Campo(s) matemática
Tese 1934: Bestimmung einer Funktion aus ihren Integralen über gewisse Mannigfaltigkeiten

Fritz John (Berlim, 14 de junho de 1910New Rochelle, 10 de fevereiro de 1994) foi um matemático estadunidense de ascendência alemã.

Estudou na Universidade de Göttingen, de 1929 a 1933, onde foi discípulo de Richard Courant. Após a ascensão de Adolf Hitler ao poder em 1933, escolheu como escapatória a um não-ariano na Alemanha nazista mudar-se para a Inglaterra.

Em 1934 publicou seu primeiro artigo. Neste mesmo ano obteve o doutorado pela Universidade de Göttingen e, com o apoio de Courant, passou um ano em Cambridge.

Em 1935 foi professor assistente na Universidade de Kentucky, quando emigrou para os Estados Unidos, com nacionalidade obtida em 1941. Permaneceu em Kentucky até 1946, quando iniciou a trabalhar na Universidade de Nova Iorque, onde permaneceu até o fim de sua carreira.

Nas décadas de 1940 e 1950 trabalhou com a transformada de Radon, aplicando-a a equações diferenciais parciais e geometria convexa.

PublicaçõesEditar

Todos seus trabalhos publicados, excluindo monografias e livros-texto, estão reunidos nas referências (John 1985) e (John 1985a) com observações e correções dele mesmo e comentários de Sigurdur Helgason, Lars Hörmander, Sergiu Klainerman, Warner Koiter, Heinz-Otto Kreiss, Harold William Kuhn, Peter Lax, Louis Nirenberg e Fritz Ursell.

BibliografiaEditar

  • Stefan Hildebrandt Remarks on the life and work of Fritz John, Comm. on Pure Applied Math. Volume 51, p. 971-989.

Ligações externasEditar