Fundación-Orbea

equipa ciclista espanhola
Team Euskadi
Informações
Estatuto
Clube de ciclismo (d) (-)
continental (-)
continental pro (a partir de )Visualizar e editar dados no Wikidata
Código UCI
EUK (de a ), FOR () e EUS (a partir de)Visualizar e editar dados no Wikidata
Disciplina
País
Fundação
Temporadas
3Visualizar e editar dados no Wikidata
Pessoas chave
Director desportivo
Jorge Azanza (en)Visualizar e editar dados no Wikidata
Designações anteriores
-
Naturgas Energía
EDP Energía
-
Fundación Euskadi-EDP
-
Team Euskadi
janeiro -
Fundación-Orbea
a partir de
Euskaltel-Euskadi
Equipamento
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
equipamento

A Team Euskadi (código UCI: EUK), é uma equipa ciclista espanhola de categoria Continental. A formação pertence à Fundação Euskadi e actuou como filial em seu momento da equipa Euskadi (de categoria Continental) e anteriormente também do Euskaltel-Euskadi de categoria UCI Pro Team.

Função como filial da Fundação EuskadiEditar

A esquadra foi um das três equipas da Fundação Euskadi. A primeira equipa foi Euskaltel-Euskadi, de categoria UCI Pro Team, e contava com duas equipas filiais: a também profissional Euskadi (de categoria Continental, terceira divisão), que depois do desaparecimento da Euskaltel-Euskadi se converteu na primeira equipa, a EDP (amador).

Nessa hierarquia, o principal trabalho do conjunto é formar ciclistas procedentes de juvenis durante seu o passo pelo campo aficionado antes de seu passo ao profissionalismo. Este sistema permite assim mesmo à Fundação ter baixo contrato às jovens promessas já desde o seu primeiro ano como aficionados, e de facto alguns deles chegam já como preparados desde seu passo por juvenis. Dado que o seu principal objectivo é formar corredores para a primeira equipa, a esquadra restringe o seu plantel a ciclistas sub-23.

A evolução natural é que os ciclistas mais destacados da Naturgas Energia passem pela equipa Orbea Continental para estreiar como profissionais e continuar a sua preparação dentro dos Circuitos Continentais UCI. Os melhor preparados chegarão a dar o salto à primeira equipa, a Euskaltel-Euskadi, para estrear-se no UCI World Tour que engloba as principais carreiras do ciclismo profissional.

HistóriaEditar

Origem e criaçãoEditar

A Fundação Euskadi e a sua equipa profissional Euskaltel-Euskadi contaram com uma histórica relação com a equipa amador biscaína Olarra/Orbea, exercendo de facto como a sua filial no campo aficionado. Entre os corredores que depois de passar por dito conjunto passaram a ser profissionais com Euskaltel-Euskadi esteve Igor Antón.

Em 2005, com a reordenamento global posta em marcha pela UCI, as equipas ciclistas profissionais foram classificados em três categorias, de maior a menor: Pro Tour, Profissional Continental e Continental. Euskaltel-Euskadi foi incluído na primeira divisão, e a Fundação impulsionou que a Orbea passasse de ser uma equipa amadora a converter-se numa equipa profissional de categoria Continental (terceira divisão). Com essa medida a equipa ficou sem um filial claro no campo aficionado, vazio que foi ocupado pelas chamadas equipas convindas, cujos ciclistas tinham prioridade à hora de passar a profissionais com a Euskaltel-Euskadi ou a Orbea.

Por esses anos o ciclismo amador vasco-navarro não tinha nenhuma equipa intermediária depois do desaparecimento da Estrada Europa, sendo todos eles biscaínos, guipuzcoanos ou navarros. Ante essa situação em 2008 Miguel Madariaga, presidente da Fundação Euskadi e director geral de Euskaltel-Euskadi, decidiu criar uma nova equipa aficionada que estivesse directamente gerido pela Fundação. Dito projecto contou com o apoio económico da empresa Naturgas Energia, cujo nome foi adoptado como denominação oficial da nova esquadra, bem como da Junta Foral de Álava.

Azuis com Alex DíazEditar

O novo conjunto alavés estreiou com um maillot azul, de acordo com a cor corporativa do seu patrocinador Naturgas. Alex Díaz foi designado como o director da nova esquadra.

2008Editar

Em 2008 a equipa conquistou nove triunfos parciais e dez por equipas. Ascendeu ao campo profissional a quatro corredores: Eneko Echeverz, Mikel Ilundain, Ricardo García e Ibon Lavín, todos eles à seguinte equipa da Fundação Euskadi, a Orbea de categoria Continental.

2009Editar

Em 2009, a equipa segue com a mesma tónica e o mesmo director de equipa. Conseguiram o Campeonato de Euskadi sub-23 com Xabier Zabalo. Para a seguinte temporada passaram a Orbea Noel Martín, Mikel Landa, Xabier Zabalo e Jon Aberasturi. Também subiu o director desportivo Alex Díaz.

Vermelhos com Arberas e UrretxuaEditar

Para a nova temporada chegaram Aritz Arberas como director e Iñigo Urretxua como adjunto e preparador físico. A equipa mudou assim mesmo o desenho do seu maillot, que passou a ser vermelho por desejo do patrocinador Naturgas.[1]

2010Editar

Em 2010 o seu corredor Pello Bilbao ganhou o Troféu sub-23. Aitor Ocampos teve uma destacada actuação nos Três Dias de Álava; o facto de ser o melhor basco fez que a Fundação Euskadi lhe premiasse a em outubro com a possibilidade de estreiar como profissional no Cinturó de l'Empordá dentro do plantel da Orbea.[2]

Ao termo da temporada passaram a ser profissionais com a Orbea os ciclistas Pello Bilbao e Mikel Bizkarra, que se somaram assim a Ocampos.

2011Editar

2011 começou com a notícia de que Mikel Landa (desde o princípio de temporada) e Pello Bilbao (desde março) se convertiam nos primeiros ex ciclistas da Naturgas Energia que chegavam ao Euskaltel-Euskadi de categoria Pro Tour. Mikel Landa converte-se no primeiro corredor que completa a formação e ingressa no Euskaltel-Euskadi. Neste ano passarão de Naturgas Energia à Orbea, .

[3][4]

Colaboração com CofidisEditar

Depois do desaparecimento da Euskadi em 2015 a Fundação Euskadi ficou sem nenhuma equipa vinculada em categoria profissional. Para paliar essa falta a Fundação Euskadi assinou um acordo de colaboração com a equipa francêsa da Cofidis, Solutions Crédits de categoria Profissional Continental para poder facilitar o acesso ao profissionalismo desde esta equipa.[5]

Classificações UCIEditar

A partir de 2005 a UCI instaurou os Circuitos Continentais UCI, onde a equipa está desde que se criou em 2018, registado dentro do UCI Europe Tour.

UCI Europe TourEditar

Temporada Classificação por equipas Melhor corredor Posto
2018 95º   Juan Antonio López-Cózar 701º

PalmarésEditar

Para anos anteriores veja-se: Palmarés da Team Euskadi.

Palmarés 2019Editar

Circuitos Continentais UCIEditar

Datas Circuito Carreiras Ganhador
23 de março UCI Europe Tour de 2019   4.ª etapa da Volta ao Alentejo   Sergio Higuita

PlantelEditar

Para anos anteriores, veja-se Elencos da Team Euskadi

Elenco de 2019Editar

Nome[6] Nascimento Nacionalidade Equipa de 2018
Mikel Alonso 23/09/1996   Espanha Fundação Euskadi
Jokin Aranburu 14/02/1997   Espanha Neo (AMPO)
Ibai Azurmendi 11/06/1996   Espanha Fundação Euskadi
Unai Cuadrado 26/09/1997   Espanha Neo (AMPO)
Peio Goikoetxea 14/02/1992   Espanha Fundação Euskadi
Sergio Higuita[2019 1] 01/08/1997   Colômbia Manzana Postobón Team
Txomin Juaristi 20/07/1995   Espanha Fundação Euskadi
Diego López 09/12/1997   Espanha Fundação Euskadi
Gotzon Martín 15/02/1996   Espanha Fundação Euskadi
Antonio Jesús Soto 24/12/1994   Espanha Neo (Lizarte)
Dzmitry Zhyhunou 10/07/1996   Bielorrússia Neo (Lizarte)

  1. Até 30 de abril.

Ver tambémEditar

Referências

Ligações externasEditar