Abrir menu principal

Georg Jellinek

professor académico alemão
Georg Jellinek
Nascimento 16 de junho de 1851
Leipzig
Morte 12 de janeiro de 1911 (59 anos)
Heidelberg
Sepultamento Bergfriedhof (Heidelberg)
Cidadania Alemanha, Áustria
Progenitores Pai:Adolf Jellinek
Cônjuge Camilla Jellinek
Filho(s) Walter Jellinek
Irmão(s) Max Hermann Jellinek, Emil Jellinek
Alma mater Universidade de Viena, Universidade de Heidelberg, Universidade de Leipzig
Ocupação filósofo, professor universitário, sociólogo, juiz
Empregador Universidade de Viena, Universidade de Heidelberg, Universidade de Basileia
Religião Judaísmo, Evangelicalismo

Georg Jellinek (Lípsia, 16 de junho de 1851Heidelberg, 12 de janeiro de 1911 (59 anos)) foi um filósofo do direito e juiz alemão.

Professor na Universidade de Basileia e na Universidade de Heidelberg, publicou varias obras sobre filosofia do direito e ciência jurídica, dentre as quais se destaca Teoria Geral do Estado onde sustenta que a soberania recai sobre o Estado e não sobre a nação, que é um simples órgão daquele e as Teoria da Soberania do Estado e a Teoria do Mínimo Ético.

Elogiada como irrepreensível por Paulo Bonavides, um dos maiores constitucionalistas do Brasil, é a definição de Jellinek de Estado como "corporação de um povo, assentada num determinado território e dotada de um poder originário de mando." (in Ciência Política, Malheiros, p. 71).

Referências bibliográficasEditar

  • Realino Marra, La religione dei diritti. Durkheim – Jellinek – Weber, Giappichelli, Torino, 2006, ISBN 88-348-6617-7.


  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.