Giacomo Tebaldi (Roma, 1400 - Roma, 4 de setembro de 1466) foi um cardeal do século XV.

Giacomo Tebaldi
Cardeal da Santa Igreja Romana
Arcebispo de Nápoles
Info/Prelado da Igreja Católica
Atividade eclesiástica
Diocese Arquidiocese de Nápoles
Nomeação 3 de agosto de 1458
Predecessor Rinaldo Piscicello
Sucessor Oliviero Carafa
Mandato 1458
Ordenação e nomeação
Nomeação episcopal 5 de junho de 1450
Nomeado arcebispo 3 de agosto de 1458
Cardinalato
Criação 17 de dezembro de 1456
por Papa Calisto III
Ordem Cardeal-presbítero
Título Santa Anastácia
Dados pessoais
Nascimento Roma
1400
Morte Roma
4 de setembro de 1466 (66 anos)
Nacionalidade italiano
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Primeiros anos editar

Nasceu em Roma, 1400. De uma família nobre. Filho de Marco e Ventura Tebaldi. Irmão do médico do Papa Calisto III. Seu sobrenome também está listado como Teobaldi. Foi chamado de Cardeal de Montefeltro ou de S. Anastasia.[1]

Educação editar

Obteve o doutorado em direito civil.[1]

Vida pregressa editar

Governador de Espoleto; e mais tarde, de Perugia.[1]

Ordens sagradas editar

Recebeu o subdiaconado e nesta ordem foi promovido ao episcopado.[1]

Episcopado editar

Eleito bispo de Montefeltro, 5 de junho de 1450. Consagrado (nenhuma informação encontrada). Governador de Perúgia. Governador de Spoleto de setembro de 1455 a novembro de 1456. Promovido à sé metropolitana de Nápoles, 3 de agosto de 1456 (1) ; renunciou três meses depois, em novembro de 1456.[1]

Cardinalato editar

Criado cardeal sacerdote no consistório de 17 de dezembro de 1456; entrou em Roma em 11 de janeiro de 1457 pela porta de S. Maria del Popolo e ali pernoitou; recebeu o chapéu vermelho no dia seguinte; e o título de S. Anastácia em 24 de janeiro de 1457. Eleito camerlengo do Sagrado Colégio dos Cardeais para o ano de 1458. Participou do conclave de 1458 , que elegeu o Papa Pio II. Participou do conclave de 1464 , que elegeu o Papa Paulo II.[1]

Morreu em Roma em 4 de setembro de 1466, às 16h. Sepultado na igreja de S. Maria sopra Minerva, Roma (3) ; seu túmulo foi obra de Andrea Bregno e Giovanni Dalmata, 1466.[1]

Referências

  1. a b c d e f g «Giacomo Tebaldi» (em inglês). cardinals. Consultado em 30 de novembro de 2022