Abrir menu principal

Gibiteria

estabelecimento comercial onde vende, compra ou troca revistas em quadrinhos
Exemplo de gibiteria em Istambul na Turquia.

Gibteria, comic shop ou comic store[1] são nomes dados a um tipo de livraria especializada em histórias em quadrinhos.[2]

Nas cidades, por vezes revistas em quadrinhos usadas (antigos ou não) são vendidos em sebos (alfarrabista em Portugal), feiras, barracas, mercado de pulgas,[3] etc. É relativamente recente o uso do vocábulo. Esse tipo de loja começou a surgir com o crescimento do mercado de gibis no Brasil. Muitos desses estabelecimentos também vendem RPGs de mesa e jogos de cartas colecionáveis[4].

Já o termo gibiteca ou bedeteca (em Portugal) seria uma espécie de biblioteca só que para gibis, hqs. Ou seja uma coleção de gibis (de preferência com um acervo significativo e variado) para serem lidos e apreciados.

HistóricoEditar

Antes da década de 1970, a maioria dos quadrinhos era encontrada em bancas de jornais, supermercados, farmácias, lojas de conveniência e brinquedos. Várias lojas especializadas em histórias em quadrinhos surgiram no final dos anos 1960, publicando edições antigas e adquirindo novos lançamentos dos distribuidores de bancas e dos novos quadrinhos de contracultura, os chamados underground comix. A mais antiga loja especializada em histórias em quadrinhos da América do Norte (ou mundialmente) é a canadense Viking Bookshop, criada em Toronto por "Captain George" Henderson em 1966, um ano depois renomeada como Memory Lane Books. quando se mudou para outras instalações da cidade.[5][6] A mais antiga loja de quadrinhos dos Estados Unidos foi San Francisco Comic Book Company de Gary Arlington, fundada em abril de 1968 na cidade homônima.[7][8] Também em 1968, surge a holandesa Lambiek. Nos anos 70, o desenvolvimento do mercado direto permitiu o surgimento de diversas lojas especializadas.[2]

Ver TambémEditar

Referências

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gibiteria
  Este artigo sobre banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.