Gilda Radner

Gilda Radner
Radner, em 1980, caracterizada como a personagem Roseanne Roseannadanna.
Nascimento 28 de junho de 1946
Detroit
Morte 20 de maio de 1989 (42 anos)
Los Angeles
Sepultamento Connecticut
Cidadania Estados Unidos
Etnia judeus americanos
Cônjuge Gene Wilder, G. E. Smith
Alma mater Universidade de Michigan
Ocupação comediante, autobiógrafo, atriz de teatro, ator de televisão, atriz de cinema, roteirista, cantora, dublador
Prêmios Prêmios Emmy do Primetime, Emmy, CableACE Award
Causa da morte câncer ovariano

Gilda Radner (Detroit, 28 de junho de 1946Los Angeles, 20 de maio de 1989) foi uma comediante e atriz estadunidense.

BiografiaEditar

Ela começou jovem sua carreira fazendo diversas peças teatrais, mas ficou famosa ao participar do programa humorístico Saturday Night Live, exibido de 1975 a 1979.

Ela se casou em 1984 com o ator e diretor Gene Wilder, com quem fez filmes como A Dama de Vermelho; Hanky Panky, Uma Dupla em Apuros e Lua de Mel Assombrada. Morreu 5 anos depois, vítima de câncer no ovário, com apenas 42 anos.

FilmografiaEditar

     
Estrela de Gilda Radner na
Calçada da Fama de Hollywood.
Cedars-Sinai Medical Center de
Los Angeles que abriga o
Gilda Radner Hereditary Cancer Program.[1]
Gilda Radner e Gene Wilder
no filme de 1986,
Haunted Honeymoon.

Referências

  1. «Cedars-Sinai. Gilda Radner Hereditary
    Cancer Program.
    »
    . Consultado em 31 de agosto de 2016
     

Projetos relacionadosEditar

 
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Gilda Radner
  Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.