Gomes Mendes Barreto

Gomes Mendes Barreto (1205 -?) foi um nobre medieval do Reino de Portugal, tendo sido Mestre da Ordem dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão.

Foi um dos primeiros membros da sua família a usar o nome Barreto. É pela parte paterna descendente da velhíssima família Baião. Sua sogra D. Sancha Pais, foi irmã de D. Gualdim Pais (Amares, 1118 - Tomar, 1195) cruzado português, Freire Templário, Cavaleiro de D. Afonso I de Portugal (1128-1185), fundador da cidade de Tomar e quem fez construir o Castelo de Tomar e o Castelo de Pombal.

Relações familiaresEditar

Foi filho de Mem Soares Velho (1180 -?) e de uma senhora cujo nome e a história não registou. Casou com Constança Pais (1210 -?) filha de Paio Gomes Gabere e de Sancha Pais, de quem teve:

  1. João Gomes Barreto,
  2. Fernão Gomes Barreto (1230 -?) casou com Sancha Pais, filha de Paio Viegas de Alvarenga (1210 -?), Senhor do Couto de Alvarenga e de Teresa Anes de Riba de Vizela.
  3. Paio Gomes Barreto, foi Templário,
  4. Sancha Gomes casou com Soeiro Pires Carnes,
  5. Nuno Gomes

BibliografiaEditar

Referências

  Este artigo sobre figuras históricas de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.