Governo Lars Løkke Rasmussen II

O Governo Lars Løkke Rasmussen III foi o segundo governo liderado por Lars Løkke Rasmussen. Foi formado a partir das eleições legislativas dinamarquesas em 2015. Era um governo de minoria constituído unicamente pelo Partido Liberal, com 34 dos 179 lugares do Parlamento da Dinamarca, contando com o apoio do Partido Popular Conservador e da Aliança Liberal, e ainda com o possível apoio do Partido Popular Dinamarquês. Entrou em funções em 2015 e terminou o seu exercício em 2019. [1][2][3][4][5]

Governo Lars Løkke Rasmussen II
Regeringen Lars Løkke Rasmussen II
Flag of Denmark.svg
Lars Loekke Rasmussen Primeiro-ministro da Dinamarca
Início de funções 28 de junho de 2015
Fim de funções 27 de junho de 2019
Primeiro-Ministro Lars Løkke Rasmussen
Monarca Margarida II
Partidos de apoio Partido Liberal
Partido Popular Dinamarquês
Partido Popular Conservador
Aliança Liberal
Partidos de oposição Partido Social-Democrata
Esquerda Radical
Aliança Vermelha e Verde
Partido Popular Socialista
Antecessor Governo Helle Thorning-Schmidt II
Sucessor Governo Mette Frederiksen
Governo Primeiro-ministro Partidos
Governo Lars Løkke Rasmussen II Lars Løkke Rasmussen Partido Liberal

Programa de Governo do Partido Liberal (Venstre)Editar

O Governo Lars Løkke Rasmussen II apresentou um programa de governo - Sammen for fremtiden (Juntos pelo futuro) – no qual é apontada uma série de medidas para aumentar os postos de trabalho privados, diminuir o número de pessoas com apoios sociais, rever a política de imigração e de asilo, e aumentar a eficiência do setor público. [6][7]

Composição do GovernoEditar

Este governo é composto por 17 ministros, dos quais 5 são mulheres:

Pasta Titular Partido
Primeiro-ministro Lars Løkke Rasmussen Partido Liberal
Ministro das Finanças Claus Hjort Frederiksen Partido Liberal
Ministro das Relações Exteriores Kristian Jensen Partido Liberal
Ministra da Imigração, da Integração e da Habitação Inger Støjberg Partido Liberal
Ministro da Justiça Søren Pind Partido Liberal
Ministro da Educação e da Investigação Esben Lunde Larsen Partido Liberal
Ministro da Energia Lars Christian Lilleholt Partido Liberal
Ministro dos Transportes Hans Christian Schmidt Partido Liberal
Ministra dos Assuntos Sociais e do Interior Karen Ellemann Partido Liberal
Ministro do Emprego Jørn Larsen Neergaard Partido Liberal
Ministra da Infância, da Educação e da Igualdade de Género Ellen Trane Nørby Partido Liberal
Ministro do Comércio e do Crescimento Troels Lund Poulsen Partido Liberal
Ministro dos Impostos Karsten Lauritzen Partido Liberal
Ministro da Defesa e da Cooperação Nórdica Carl Holst Partido Liberal
Ministra do Ambiente e da Alimentação Eva Kjer Hansen Partido Liberal
Ministra da Saúde e da Terceira Idade Sophie Løhde Partido Liberal
Ministro da Cultura Bertel Haarder Partido Liberal

FONTES:

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Regeringen» (em dinamarquês). Statsministeriet (Chancelaria do Governo da Dinamarca). Consultado em 28 de junho de 2015 
  2. «Danmark har fået en ny regering» (em dinamarquês). Página oficial de Lars Løkke Rasmussen. Consultado em 28 de junho de 2015 
  3. «Fakta: Her er de nye ministre» (em dinamarquês). Politiken. Consultado em 28 de junho de 2015 
  4. Nikolaj Rytgaard. «Løkke sætter navne på 17 nye ministre» (em dinamarquês). Berlingske. Consultado em 28 de junho de 2015 
  5. Steen A. Jørgenssen. «Her er hele Lars Løkkes ministerhold» (em dinamarquês). Jyllands-Posten. Consultado em 28 de junho de 2015 
  6. «Sammen for fremtiden (Juntos pelo futuro)» (PDF) (em dinamarquês). Partido Liberal (Venstre). Consultado em 2 de julho de 2015. Arquivado do original (PDF) em 1 de julho de 2015 
  7. Karen Clement e Astrid Søndberg. «OVERBLIK: Her er Danmarks nye regering» (em dinamarquês). TV 2 Politik. Consultado em 2 de julho de 2015 


Precedido por
Governo Helle Thorning-Schmidt II
Governo Lars Løkke Rasmussen II
28 de novembro de 2016 -
Sucedido por
Governo Mette Frederiksen