Abrir menu principal
Heinrich Neuhaus
Nascimento 31 de março de 1888
Kropivnitskiy
Morte 10 de outubro de 1964 (76 anos)
Moscou
Sepultamento Cemitério Novodevichy
Cidadania Império Russo, União Soviética
Alma mater Conservatório de São Petersburgo
Ocupação pianista, musicólogo, professor de música, professor universitário
Prêmios Ordem de Lenin, Ordem da Bandeira Vermelha do Trabalho, Artista do Povo da República Socialista Federativa Soviética da Rússia
Empregador Conservatório de Moscou

Heinrich Gustavovich Neuhaus (Russo: Генрих Густавович Нейгауз; também como Genrikh Gustavovich Neygaus, Henrych Gustavovyč Nejhaus; 12 de abril de 1888Moscou, 10 de outubro de 1964) era um pianista e pedagogo soviético, imigrante da Alemanha.

BiografiaEditar

Neuhaus nasceu em Kirovohrad (que depois seria chamado de Elizavetgrad), Ucrânia. Apesar de seus pais serem ambos professores de piano, Neuhaus sempre foi muito autodidata. A maior influência de seu precoce desenvolvimento artístico veio de sua prima Karol Szymanowski e principalmente de seu tio Felix Blumenfeld. Em 1902, ele deu seu primeiro recital em Elizavetgrad, acompanhado de Misha Elman, na época com onze anos. Em 1904, Neuhaus deu concertos em Dortmund, Bonn, Colônia e Berlim. Depois, ele foi aluno de Leopold Godowsky em Berlim a partir de 1909 até o fim da Primeira Guerra Mundial, na Academia de Música de Viena. Em 1914, Neuhaus começou a lecionar em Kirovohrad e depois em Tbilisi (Tiflis) e Kiev. Nesta época, ele começou a se interessar pelas atividades pedagógicas de música. Em 1922, ele passou a lecionar no Conservatório de Moscou, onde foi diretor entre 1935 e 1937.

Entre os seus pupilos mais famosos, podemos mencionar Emil Gilels, Sviatoslav Richter, Radu Lupu e Yakov Zak.

Neuhaus é amplamente reconhecido pelo seu poético magnetismo da sua interpretação e pelo seu refino cultural e artístico. O livro A arte de tocar piano (1958) tornou-se um dos mais lidos e respeitados sobre o assunto.

Ligações externasEditar