Abrir menu principal

Henri-Gabriel Ibels

Henri-Gabriel Ibels
Henri-Gabriel Ibels.jpg
Autorretrato
Nascimento 30 de novembro de 1867
Paris, França
Morte fevereiro de 1936 (68 anos)
Paris, França
Nacionalidade francês
Cidadania França
Irmão(s) André Ibels
Alma mater Academia Julian
Ocupação cartazista, pintor
Movimento estético Les Nabis

Henri-Gabriel Ibels (Paris, 30 de novembro de 1867 - Paris, fevereiro de 1936) foi um pintor, ilustrador, gravador e escritor francês, conhecido por sua participação no grupo dos Nabis.[1]

Estudou na Académie Julian com Pierre Bonnard e Édouard Vuillard e foi membro de Les Nabis. Outros membros foram Gauguin, Utrillo, Félix Vallotton e Émile Bernard. Ibels participou nas exposições de Les Nabis na galeria de Le Barc de Boutteville. Com Vuillard e Maurice Denis ele rapidamente chamou a atenção pública e ganhou o apelido de 'Le Nabis journaliste'.[2]

As imagens de Ibels eram poderosas e pesadamente gráficas, em consonância com o movimento que era uma mistura generosa de arte, design gráfico e publicidade, como se vê nas litografias e pôsteres para teatro, cabaré e ilustração do livro.

Ibels inspirou-se na vida das ruas, nos cafés, no circo e no ringue de boxe, como Adolphe Willette, Henri de Toulouse-Lautrec e Théophile-Alexandre Steinlen. Seu estilo gráfico devia muito à arte de Honoré Daumier, às gravuras em madeira japonesas, a Paul Gauguin e a Escola Pont-Aven.[3]

Referências

  1. «Henri-Gabriel Ibels». Renoir Fine Art. Consultado em 9 de julho de 2017 
  2. Renoir, Catherine. «Henri-Gabriel Ibels Biography - Renoir Fine Art». www.renoirinc.com. Consultado em 24 de setembro de 2017 
  3. «Henri de Toulouse-Lautrec | Henri-Gabriel Ibels (1867–1936) | The Met». The Metropolitan Museum of Art, i.e. The Met Museum. Consultado em 24 de setembro de 2017 
  Este artigo sobre um(a) pintor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.