Hipólita Trivulzio

Hipólita Trivulzio (1600 – 20 de Junho de 1638) foi a esposa do príncipe Honorato II de Mônaco e Princesa Consorte de Mônaco de 1616 até sua morte.

Hipólita Trivulzio
Princesa Consorte de Mônaco
Reinado 13 de fevereiro de 1616
a 20 de junho de 1638
Sucessora Catarina Carlota de Gramont
 
Marido Honorato II de Mônaco
Casa Grimaldi (por casamento)
Nascimento 1600
  Palácio Trivulzi, Ducado de Milão
Morte 20 de junho de 1638 (37 anos)
  Palácio do Príncipe de Mônaco
Pai Carlos Emanuel Teodoro Trivulzio
Mãe Catarina Gonzaga
Religião Catolicismo

BiografiaEditar

Hipólita era a única filha de Carlos Emanuel Teodoro Trivulzio, Conde de Melzo, e Catarina Gonzaga. Sua família era originária de Milão. Seu irmão mais velho foi João Jaime Teodoro Trivulzio.[1]

Ela casou-se com Honorato II, Príncipe de Mônaco em 13 de Fevereiro de 1616.[1] Casal teve apenas um filho. Hipólita foi descrita como "recatada, magra, de cabelos escuros, uma beleza em potencial e religiosa"[2], e o casamento foi dito como feliz.[3] Enquanto Honorato II redecorava a residência principesca introduzindo vários costumes da corte francesa, Hipólita comparecia a cerimônias religiosas oficiais afim de encorajar sentimentos nacionalistas e monárquicos na população monegasca para com a dinastia. Hipólita teve um maior papel público do que suas predecessoras.[4]

A princesa Hipólita faleceu no dia 20 de Junho de 1638, em Mônaco, aos 37 anos.

DescendênciaEditar

De seu matrimônio com Honorato de Mônaco, nasceram:


Hipólita Trivulzio
1600 – 20 de junho de 1638
Título novo  
Princesa Consorte de Mônaco
13 de fevereiro de 1616 – 20 de junho de 1638
Sucedida por
Catarina Carlota de Gramont


Referências

  1. a b van de Pas, Leo. «Ippolita Trivulzio». Genealogics .org. Consultado em 1 de março de 2010 
  2. Anne Edwards, The Grimaldis of Monaco, 1992
  3. Anne Edwards, The Grimaldis of Monaco, 1992
  4. Anne Edwards, The Grimaldis of Monaco, 1992