Ignaz von Olfers

Ignaz von Olfers (Ignaz Franz Werner Maria von Olfers; Ignatius Franciscus Werner Maria von Olfers ) (Münster, 30 de agosto de 1793 - Berlim, 23 de abril de 1871), foi naturalista, historiador e diplomata alemão. Em 1816 ele viajou como diplomata ao Brasil. De 1819 a 1821 ele viajou, junto com Sellow, pelos estados de Minas Gerais e São Paulo. Em 1838, se tornou diretor do Museu Imperial de Berlim. Descreveu inúmeros mamíferos no "Journal von Brasilien" do editor Wilhelm Ludwig von Eschwege (1777-1855).

Ignaz von Olfers
Ignaz von Olfers
Nascimento 30 de agosto de 1793
Münster
Morte 23 de abril de 1871
Berlim
Nacionalidade Alemão
Alma mater Ruprecht-Karls-Universität Heidelberg
Ocupação Historiador, diplomata, geólogo, etnólogo e naturalista alemão.

BiografiaEditar

Estudou a princípio na Escola Superior de Münster, a partir de 1812 a 1815, estudou Medicina. ciências naturais e linguística em Göttingen. Ocupou vários cargos diplomáticos em Lisboa e Nápoles, e de 1826 a outubro de 1828 foi diplomata da Alemanha na corte imperial brasileira. Em 1831 trabalhou com assuntos comerciais e econômicos na Suíça, e em 1835 foi chamado de volta para Berlim, onde trabalhou no Ministério da Cultura. Em 31 de Julho de 1839 sucedeu ao conde Karl von Brühl[1], como diretor geral dos museus do império.

Foi um grande incentivador da expedição científica para o Egito e a Núbia que o rei Frederico Guilherme colocou sob a liderança do professor Karl Richard Lepsius. Teve grande influência sobre Frederico Guilherme da Prússia na reestruturação da Ilha dos Museus em Berlim. Junto com o arquiteto Friedrich August Stüler[2] (1800-1865), ele desenvolveu o conceito do Novo Museu de Berlim.

Obras[3]Editar

  • Die Gattung Torpedo in ihren naturhistorischen und antiquarischenn Beziehungen. Berlin: Academia Real de Ciências, 1831
  • Über ein Grab bei Kumae und die in demselben enthaltenen merkwürdigen Bildwerke, mit Rücksicht auf das Vorkommen von Skeleten unter den Antiken. Academia de Ciências de 4 de Novembro de 1830. Berlin: Academia Real de Ciências, 1831
  • Die Überreste vorweltliche Riesenthiere in Beziehung zu Ostasiatischen Sagen und Chinesischen Schriften. Academia de Ciências 13 de Junho e na reunião pública de 4 de Julho de 1839. Berlin: Nicolai, 1840
  • Über die Lydischen Königsgräber bei Sardes und den Grabhügel des Alyattes. Segundo relato do Cônsul geral de Spiegelthal em Smyrna. Academia de Ciências de Berlim, 1858.

FamíliaEditar

Ignaz von Olfers foi casado com Hedwig von Olfers (1799-1891) e com ela teve quatro filhos:

Veja tambémEditar

Links ExternosEditar

Referências

  1. Carl von Brühl, (* Pförten, 18 de Maio de 1772 - Berlim, 9 de Agosto de 1837), era amigo de Goethe, que, como intendente geral dos teatros reais da Prússia teve muita influência no desenvolvimento do drama na Alemanha. Foi intendente geral dos museus reais.
  2. Friedrich August Stüler (* 28 de Janeiro - 18 de Março de 1865, foi construtor e arquiteto prussiano. A sua obra prima é o Novo Museu de Berlim, bem como o domo do arco imperial do portão principal do Palácio da Cidade de Berlim.
  3. Wiksource.