Abrir menu principal

João Batista Barreto Lubanco

(Redirecionado de João Batista Lubanco)

João Batista Barreto Lubanco (Campos dos Goytacazes, 12 de fevereiro de 1929 - Nova Iguaçu, 6 de junho de 2018) foi um político brasileiro. Atualmente trabalha como advogado, sua profissão por formação, no Rio de Janeiro.

Formado pelo curso de direito na Faculdade de Direito do Catete (Universidade Federal do Rio de Janeiro) em 1954. Foi interventor de São João de Meriti, nomeado pela ditadura militar, em 1970, permanecendo até 1971.[1]

Nas eleições de 1972 foi eleito vice-prefeito de Nova Iguaçu. Em 1975, eleito pelo partido do governo, a Aliança Renovadora Nacional (ARENA), Lubanco assumiu a chefia do executivo até 1977.[2]

Em sua administração construiu a primeira pista de skate de América Latina, inaugurada em 1976, e desapropriou a Fazenda São Bernardino, marco da arquitetura colonial do Brasil, e expulsou seus moradores e proprietários (família Gavazzoni). Após a desapropriação e desalojamento dos proprietários, a fazenda ficou abandonada e foi incendiada na administração do prefeito Paulo Leone, a fim de que sua restauração não fosse demandada.

Foi também deputado estadual do Rio de Janeiro de 1978 a 1982.

João Batista Barreto Lubanco Faleceu no dia 06/06/2018

Referências

  1. «Prefeitos de São João do Meriti». Consultado em 8 de outubro de 2012. Arquivado do original em 5 de julho de 2012 
  2. «Prefeitos de Nova Iguaçu». Consultado em 8 de outubro de 2012  (ligação inativa em 03/04/2013)
Precedido por
Joaquim de Freitas
30º Prefeito de Nova Iguaçu
19751977
Sucedido por
João Ruy de Queiroz Pinheiro


Precedido por
José de Amorim Pereira
15° Prefeito de São João de Meriti
1970 - 1971
Sucedido por
Alayr Moreira Dias
  Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.