Abrir menu principal
Joël Dicker
Nascimento 16 de junho de 1985 (34 anos)
Genebra, Suíça
Prémios Grande prémio de romance da Academia francesa (2012)
Género literário Romance
Movimento literário Pós-modernismo
Magnum opus A verdade sobre o caso Harry Quebert

Joël Dicker (Genebra, 16 de Junho de 1985) é um romancista suíço.

BiografiaEditar

Joël Dicker nasceu a 16 de Junho de 1985 em Genebra, Suíça. Frequentou as escolas de Genebra. Aos 19 anos, inscreveu-se no Cours Florent em Paris. Ao fim de um ano regressou à Suíça para frequentar a Faculdade de Direito, onde tirou o Mestrado em Direito na Universidade de Genebra em 2010.[1]

CarreiraEditar

Em 2010, aos 25 anos, Dicker venceu o Prix des Ecrivains Genevois (Prémios dos Escritores de Genebra), um prémio prestigiante para manuscritos não publicados. Subsequentemente, o editor parisiense Bernard de Fallois adquiriu a submissão vencedora de Dicker, Les Derniers Jours de Nos Pères, e publicou-a no início de 2012. Seis meses mais tarde, em Setembro de 2012, de Fallois publicou La Vérité sur l’Affaire Harry Quebert.[1] de Dicker. Na Feira do Livro de Frankfurt de 2012, muitos editores estrangeiros adquiriram os direitos de publicação de Bernard de Fallois.[2] O livro foi traduzido em 32 idiomas. No final de Outubro de 2012, La Vérité… (A Verdade…) venceu o Grand Prix du Roman de l’Académie française de 2012. Ficou na lista de finalista do Prémio Goncourt e do Prémio Femina.[3]

Em Novembro de 2012, La Vérité… venceu o Prémio Goncourt des Lycéens. Para este prémio, 2000 estudantes do ensino secundário francófonos votaramno seu romance favorito de entre os finalistas desse ano do Prémio Goncourt. No Verão de 2013, La Vérité… bateu o livro de Dan Brown Inferno do topo das listas de mais vendidos por toda a Europa. Os primeiros leitores da tradução inglesa descreveram o livro como "literário e inteligente."[4] Considerado a resposta da Suíça ao The Girl with the Dragon Tattoo,[5] e comparado à ficção de Nabokov e Roth bem como as séries televisivas Twin Peaks,[6] The Truth About the Harry Quebert Affair foi publicado nos Estados Unidos pela Penguin a 27 de Maio de 2014.[7] Foi uma das maiores aquisições originais na história dos Penguin Books.[8]
Em Portugal foram publicados A verdade sobre o caso Harry Quebert em 2013 pela Objectiva e Os últimos dias dos nossos pais em 2014 pela Alfaguara.

O terceiro romance de Dicker, Le Livre des Baltimore, foi publicado a 26 de Setembro de 2015.[9]

ObrasEditar

  • Os últimos dias dos nossos pais - no original Les Derniers Jours de Nos Pères (2012);
  • A verdade sobre o caso Harry Quebert - no original La Vérité sur l’Affaire Harry Quebert (2012);
  • O Livro dos Baltimore - no original Le Livre des Baltimore (2015)
  • O Desaparecimento de Stephanie Mailer - no original La Disparition de Stephanie Mailer (2018)

Notas e referênciasEditar

  1. a b «Biographie / Biography.». JoelDicker.com 
  2. Wood, Gaby (1 de fevereiro de 2014). «Harry Quebert: The French thriller that has taken the world by storm». The Telegraph. Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  3. Farrington, Joshua. «MacLehose signs 'cinematic' Joël Dicker». The Bookseller. Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  4. Bury, Liz. «Dan Brown-trumping French bestseller due in English next year». The Guardian. Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  5. Lewis, Andy (4 de dezembro de 2013). «International Best-Seller 'The Truth About the Harry Quebert Affair' Lands Big-Money U.S. Deal». Hollywood Reporter. Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  6. Wood, Gaby (1 de fevereiro de 2014). «Harry Quebert: The French thriller that has taken the world by storm». The Telegraph. Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  7. «The Truth About the Harry Quebert Affair». Consultado em 25 de março de 2015 
  8. Li, Shirley (5 de dezembro de 2013). «Penguin Books acquires Joël Dicker's international bestseller 'The Truth About the Harry Quebert Affair'». Entertainment Weekly. Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  9. «"Le Livre des Baltimore", trop beau pour être vrai». Le Temps. 26 de setembro de 2015 

Links externosEditar