Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Joaquim Mir
Nome completo Joaquim Mir i Trinxet
Nascimento 6 de janeiro de 1879
Barcelona
Morte 27 de abril de 1940 (61 anos)
Barcelona ou Vilanova
Nacionalidade Espanha Espanhol
Principais trabalhos Poble escalonat
Área Pintura
Formação Escola de Belas Artes de Barcelona
Movimento(s) Paisagista, Impressionismo

Joaquim Mir i Trinxet ou Joaquin Mir (Barcelona, 6 de janeiro de 1873 - Vilanova i la Geltrú[1] ou Barcelona, 27 de abril de 1940) foi um pintor catalão.

Estudou na escola de Belas Artes de Barcelona, e na oficina do pintor Lluís Graner. O seu estilo é caracterizado pelo impressionismo, baseado pela visão livre e intuitiva da paisagem.

Formou em 1893 a Colla del Safrà com outros artistas, como Isidro Nonell, Ricard Canals, Ramon Pichot, Juli Vallmitjana i Colomines e Gual i Queralt. Nos últimos anos do século XIX relaciona-se com o ambiente artístico de Els Quatre Gats. Em 1901 foi a Mallorca com Santiago Rusiñol, e instalou-se em Sa Calobra. Aí fez algumas das suas melhores pinturas, destacando-se nesta etapa nas pinturas murais que fez para a casa do seu tio e mecenas Avelino Trinxet Casas, de Barcelona, grande industrial têxtil: a Casa Trinxet.[2]

Em 1903 muda-se para Reus por motivos de saúde, e pinta as paisagens de L'Aleixar e Maspujols a partir de 1906. Em 1913, por razões familiares, muda-se para Mollet del Vallès, e em 1918 para Caldes de Montbui. Em 1921 casou-se e mudou-se para Vilanova i la Geltrú.

Em 1930 recebeu uma medalha de honra pelo conjunto da sua obra.

ObraEditar

Renovou o género paisagístico no final do século XIX. O seu estilo é pessoal, com dinâmica de grande colorido e expressividade.

  • O Horto da Ermida, segunda medalha na Exposição Nacional (1899).
  • Crepúsculo.

Ligações externasEditar

BibliografiaEditar

Referências

  1. «Mir i Trinxet, Joaquim». www.museoreinasofia.es (em espanhol). Consultado em 12 de março de 2019 
  2. Pla, Josep (1944). El Pintor Joaquín Mir (em espanhol). [S.l.]: Ediciones Destino