John B. Thompson

John Brookshire Thompson (Minneapolis, 20 de julho de 1951) é um sociólogo e professor da Universidade de Cambridge. Seu objeto de estudo é a influência da mídia e da ideologia na formação das sociedades modernas. Entre suas publicações encontram-se Ideology and Mass Culture, A Mídia e a Modernidade: Uma Teoria Social da Mídia (1995) e Mercadores de Cultura: O Mercado Editorial no Século XXI (2013).

John B. Thompson
Nascimento 20 de julho de 1951 (69 anos)
Minneapolis
Cidadania Reino Unido
Alma mater Universidade de Keele
Ocupação sociólogo
Empregador Universidade de Cambridge

EducaçãoEditar

Thompson se formou em Filosofia, Sociologia e Antropologia Social na Keele University em 1975.

PensamentosEditar

Thompson estudou a influência da mídia na formação das sociedades modernas, um assunto no qual ele é um dos poucos teóricos a se focar.

Visibilidade MediadaEditar

Com o desenvolvimento das tecnologias do meio de comunicação, nasce um novo tipo de interação entre as pessoas da qual o autor nomeia como "quase-interação mediada"[1]. Nesse tipo de interação são produzidas e transmitidas formas simbólicas (gestos, expressões faciais etc) para um número ilimitado de receptores[1]. São exemplos de quase-interação mediada: televisão, rádio, jornais, livros etc[2].

Com esse avanço tecnológico, o autor defende que surgiu um novo tipo de visibilidade. Essa nova visibilidade criada pelos meios de comunicação consiste em tornar  acontecimentos ou atitudes visíveis para a sociedade sem que haja um compartilhamento espácio-temporal entre os indivíduos[2].

Como características dessa nova visibilidade está a ampliação do campo de visão das pessoas tanto em relação a espaço como de tempo. Por exemplo, um indivíduo pode presenciar determinado evento em algum lugar que seja distante dele. Outra característica é que o campo de visão torna-se unidirecional: a pessoa pode ver através de filmagens ou fotos outras que estejam distantes mas estas, na maior parte das vezes, não podem enxergá-la[2].

Essa nova visibilidade criada pela mídia modificou a noção de privacidade e publicidade de um indivíduo em determinado acontecimento. A mídia pode trazer a tona eventos que são realizados de forma privada para esfera pública[1]. Como exemplo disto, pode ser citado o escândalo midiático, através da mídia pode ser informado vazamento de informações, denúncias que envolvem políticos etc.

  1. a b c SARTORI, Débora; PORCELLO, Flávio (2013). «Jornalismo e escândalos políticos: o confronto entre o julgamento e a objetividade». Revistas UFG 
  2. a b c THOMPSON, John B. (2008). «A nova visibilidade». MATRIZes revistas USP 
 
O Wikiquote possui citações de ou sobre: John B. Thompson
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.